solidariedade

Crianças do MST visitam vigília e dão ‘boa tarde’ a presidente Lula

Crianças do 13º Encontro Estadual das Crianças Sem Terrinha do Paraná levaram apoio ao ex-presidente, preso desde março de 2018, ao lado de Fernando Haddad

Cláudio Kbene
Haddad perguntou se as crianças gostariam de mandar algum recado ao líder popular. Entre várias respostas, uma menina gritou: “Lula, a gente ama você e quer te ver solto. A gente está te apoiando”

São Paulo – No ‘Boa tarde’ ao presidente Lula de sexta-feira (18) ecoaram as vozes das mais de 400 crianças participantes do 13º Encontro Estadual das Crianças Sem Terrinha do Paraná. A coordenação do ato ficou a cargo da garotada, que agitou a Vigília Lula Livre, na Superintendência da Polícia Federal, onde Lula é mantido preso desde o dia 7 de abril de 2018, em Curitiba.

As crianças receberam o ex-candidato à presidência da República em 2018 e ex-ministro da Educação Fernando Haddad, que iria visitar Lula em seguida e perguntou se as crianças gostariam de mandar algum recado a ele. Entre várias respostas, uma menina gritou: “Lula, a gente ama você e quer te ver solto. A gente está te apoiando”.

Após a visita à vigília, as crianças seguiram para um passeio no Zoológico de Curitiba, última e muito aguardada atividade do Encontro dos Sem Terrinha, que iniciou na quarta e se encerra hoje. As crianças têm idade entre 6 e 12 anos, e vêm de acampamentos e assentamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Na manhã desta quinta-feira (17), uma comissão de 15 crianças já havia visitado a vigília e enviado uma carta a Lula. “Queremos agradecer a tudo que o senhor fez por nós e pelo que ainda irá fazer, nós sabemos que não está nada fácil para você e não está nada fácil pra nós também. Queremos que saiba que estaremos com vocês”, diz a carta.

Fim dos despejos

Fim dos despejos, reforma das escolas, melhoria das bibliotecas, dos espaços de lazer e das estradas, ampliação do atendimento à saúde. Foram muitos os relatos e reivindicações apresentadas pelas crianças Sem Terrinha ao superintendente de Geral de Diálogo e Interação Social do Governo do Estado (Sudis), Mauro Rockembach. O encontro ocorreu na manhã da sexta (18), no Palácio do Governo.

As crianças leram ao superintendente o manifesto produzido pelos participantes do Encontro. “Queremos do governo menos promessas e mais ações para melhorar a nossa qualidade de vida”, diz o documento. O superintendente garantiu que levará o manifesto ao governador do estado, Ratinho Júnior.

A programação do encontro contou ainda com estudo sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), apresentação do manifesto à Assembleia Legislativa do Paraná em defesa de direitos, apresentações artísticas, oficinas, brincadeiras, contação de história.

Com informações da página do MST