Nesta sexta-feira

IBGE abre inscrições de concurso a vagas para Censo Demográfico 2021

Candidatos podem se inscrever até o dia 23 de fevereiro para recenseadores e 15 de março, para agentes censitários. São cerca de 204 mil vagas

EBC
As provas serão aplicadas no dia 18 de abril para os agentes e 25 de abril para recenseadores, em todos os municípios onde houver vagas

Brasil de Fato – O concurso IBGE 2021 está com inscrições abertas para 204.307 vagas temporárias para o Censo Demográfico deste ano. As vagas são destinadas a profissionais dos níveis médio e fundamental em todo o Brasil.

Para realizar a inscrição, os interessados devem acessar o site do Cebraspe, responsável pela realização do concurso, preencher o formulário online e efetivar o pagamento do valor da inscrição, de acordo com a função pretendida. Para Recenseador, a taxa é de R$ 25,77, para Agente Censitário Municipal e Agente Censitário Supervisor, R$ 39,49. As inscrições para os dois últimos cargos podem ser feitas até às 23h59 do dia 15 de março. Já para o cargo de Recenseador, até 23 de fevereiro, às 23h59.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as provas do concurso serão aplicadas no dia 18 de abril para os agentes e 25 de abril para recenseadores, em todos os municípios onde houver vagas.

Aqueles que forem selecionados devem preencher alguns requisitos, como ser brasileiro ou português, ter no mínimo 18 anos, não ter pendências com a Justiça Eleitoral e apresentar uma declaração de próprio cunho de que não se encontra na situação de sócio-gerente ou administrador de empresas.

O resultado final dos aprovados será divulgado em 27 de maio.

Recenseador

Para o cargo de Recenseador, serão oferecidas 181.898 vagas. Os requisitos específicos para este cargo é ter ensino fundamental completo. Não há uma remuneração definida, uma vez que esta é determinada de acordo com a produtividade do trabalhador. O contrato também não é permanente: tem a duração de três meses. 

No caso do Agente Censitário Municipal, são 5.450 vagas, com a remuneração de R$ 2.100,00 para jornadas de 40 horas semanais de trabalho, para um contrato de cinco meses. O requisito, neste caso, é ter ensino médio completo.

Por fim, para Agente Censitário Supervisor, são 16.959 vagas, com remuneração de R$ 1.700,00 para 40 horas semanais de trabalho, também em um contrato de cinco meses. O requisito específico também é ter ensino médio completo.

Cortes

No primeiro semestre de 2019, o primeiro ano de seu governo, o presidente Jair Bolsonaro reduziu a verba para o IBGE em 2020, o que contribuiu para o cancelamento do Censo 2020. Para realizar uma edição com abrangência similar às anteriores, o IBGE precisava de R$ 3,4 bilhões. 

No começo de 2019, o governo iniciou uma série de ataques às instituições de pesquisa e de produção de conhecimento. Uma das vítimas foi o IBGE, que teve o orçamento do Censo 2020 reduzido para R$ 2,3 bilhões.

Logo no início do mandato, a metodologia do estudo foi questionada por Paulo Guedes, ministro da Economia, que sugeriu a redução do questionário para superar a falta de recursos. 


Leia também


Últimas notícias