Tag: abrasco

Desmonte na saúde

Especialistas repudiam projeto que encolhe o Programa de Saúde da Família

Associação Brasileira de Saúde Coletiva quer amplo debate sobre mudanças na Política Nacional de Atenção Básica que o governo de Michel Temer pretende fazer a toque de caixa
#ForaBarros

Médicos e especialistas querem a saída do ministro Ricardo Barros

Nesta quinta-feira (3), médicos vão às ruas para protestar contra o ministro e suas agressões à categoria. Em nota de repúdio, Abrasco defende 'um outro ministro para uma outra política'
Justiça ambiental

No Ceará, a ciência emancipatória se levanta contra o avanço do mercado predatório

Ao completar 20 anos, Núcleo Tramas, da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará, articula os saberes populares e da academia na construção da emancipação humana e social
intolerável

Caso Marisa Letícia: Abrasco pede punição de médicos por ações criminosas e antiéticas

Entidade que reúne especialistas em saúde coletiva avalia como graves os desvios de conduta. 'Sociedade deve assumir o compromisso de vigiar discriminações e preconceitos de qualquer natureza'
Privatização da Saúde

Idec e Abrasco repudiam decisão da ANS de avaliar plano de saúde popular

Segundo as instituições, a proposta do plano de saúde popular representa 'uma mudança para pior' e um 'retrocesso de 20 anos'
projeto ineficaz

Plano Popular de Saúde não atenderá a população, dizem Abrasco e Idec

Entidades prometem mover ações judiciais contra o governo de Michel Temer caso ele autorize a venda dos planos, que terão menor preço, mas com restrições de serviços e atendimentos
governo Temer

Entidades vão à Justiça contra venda de planos de menor cobertura

Para Idec e Abrasco, insegurança e desassistência de novos planos serão piores do que as atuais, que afetam boa parte dos 52 milhões de usuários da saúde privada; proposta é do ministro Ricardo Barros
Conflito de interesses

Comunidade acadêmica é contra indicação de nome ligado ao mercado para presidir IBGE

Para acadêmicos e pesquisadores, há conflito de interesses; Paulo Rabello de Castro é consultor empresarial, diretor presidente de empresa de classificação de risco – SR Rating – e amigo de Temer

Autonomia da mulher sobre a gravidez é a medida mais importante neste momento

A Onu recomendou que os países com surto de zika vírus devem permitir o acesso das mulheres a interrupção da gravidez. O vírus é suspeito de ser a causa do aumento do número de casos de microcefalia em bebês. No Brasil, o debate sobre aborto foi reaberto nas últimas semanas por conta do grande números de casos, porém, atualmente a legislação permite a interrupção somente em casos de risco a saúde da gestante, estupro ou quando o feto é anencefálico.A professora da Faculdade de Saúde Pública da Usp, Simone Diniz, do grupo de gênero da Associação Brasileira de Saúde Coletiva diz que a medida mais importante no momento é dar autonomia para as mulheres decidirem se querem ou não prosseguir com a gravidez. Reportagem de Anelize Moreira
1 2 3

últimas notícias

Mais Lidas