primeira vez

Segurança de Bolsonaro barra jornalistas em sessão solene da Câmara

Apenas parlamentares e servidores autorizados poderão acompanhar homenagem pelos 30 anos da Constituição Federal

Lula Marques/AGPT
Câmara Plenário

Jornalistas não poderão cobrir de perto primeira aparição oficial de Bolsonaro como presidente eleito

São Paulo – A Direção-Geral do Senado (DGS) proibiu a entrada de jornalistas no Plenário da Câmara dos Deputados em sessão conjunta do Congresso nesta terça-feira (6) em homenagem aos 30 anos da Constituição Federal. O impedimento aos profissionais de imprensa é inédito e atende à solicitação da segurança do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), que participa da cerimônia ao lado dos chefes dos Três Poderes. 

O acesso da imprensa ficará restrito às galerias – local reservado aos visitantes – , e ao Salão Verde, onde transitam os parlamentares que se dirigem ao plenário. No local da cerimônia, atuarão apenas os jornalistas dos veículos oficiais da Câmara e do Senado.

Mesmo em solenidades como a posse de presidentes, que contavam com esquemas especiais de segurança, ou em votações importantes, nunca houve restrição à circulação de jornalistas no plenário.  A proibição foi informada pelo Senado – responsável por organizar reuniões conjuntas das duas Casas – que, no entanto, empurrou para a Câmara a responsabilidade pela proibição. 

Na sessão solene, marcada para às 10h, serão apresentados carimbo, livros digitais e cartão postal comemorativos, além da abertura oficial da exposição “O Brasil em construção: 30 anos da Constituição Cidadã”. É o primeiro evento oficial com a participação de Bolsonaro como presidente eleito.

Eunício libera

Após repercussão negativa da medida, na manhã desta terça-feira (6), o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE) deu uma contraordem, revogou a proibição de acesso dos jornalistas ao plenário. “Nunca faria isso”, afirmou Eunício.  

Confira o comunicado enviado aos jornalistas

MEDIDAS DE SEGURANÇA EM RAZÃO DA SESSÃO COMEMORATIVA DOS 30 ANOS DA PROMULGAÇÃO DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL

Prezados(as) Servidores(as),

A Diretoria-Geral do Senado Federal informa que em razão da Sessão Comemorativa dos 30 anos da Promulgação da Constituição Federal, dia 06 de novembro de 2018, terça-feira, no Plenário da Câmara dos Deputados, as seguintes medidas serão adotadas em virtude da presença dos Chefes dos Três Poderes e demais autoridades, que serão recepcionadas no Salão Branco (Chapelaria):

1. A partir das 8h30 a descida em direção ao Salão Branco (Chapelaria) estará bloqueada para desembarque de servidores e visitantes;

2. A entrada do Salão Branco será exclusiva para recepcionar as autoridades que participarão da Sessão:

3. Os(as) servidores(as) que precisarem acessar o edifício principal deverão entrar pela portaria do anexo I ou bloco B;

4. O acesso ao Plenário da Câmara dos Deputados será restrito às autoridades, parlamentares, e servidores(as) autorizados(as). Assessorias parlamentares deverão se dirigir às galerias para assistir à sessão;

5. Serão realizados isolamentos de áreas nos moldes das posses presidenciais.

Atenciosamente,

Diretoria-Geral do Senado