Você está aqui: Página Inicial / Mundo / 2012 / 12 / Chávez não deve participar de Cúpula do Mercosul em Brasília

Chávez não deve participar de Cúpula do Mercosul em Brasília

por Renata Giraldi, da Agência Brasil publicado , última modificação 06/12/2012 11h52

Brasília – O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, não deve comparecer à Cúpula dos Chefes de Estado do Mercosul. Informações preliminares, dão conta de que ele não virá para a reunião, porque resolveu estender sua estada em Havana, capital de Cuba, onde faz tratamento de combate ao câncer. Desde o ano passado, Chávez luta contra a reincidência de um câncer na região pélvica.

O ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Nicolás Maduro, confirmou que estará em Brasília amanhã (7) para a cúpula. A previsão, segundo diplomatas, é de que Maduro chegue hoje à noite à capital. Nas reuniões de chanceleres e ministros da Economia que acontece hoje (6) a delegação venezuelana é chefiada pelo embaixador da Venezuela no Brasil, Maximilien Sánchez Arveláiz.

A presença de Chávez em Brasília era aguardada pelas autoridades pois trata-se da primeira reunião de chefes de Estado do Mercosul, desde a oficialização do ingresso da Venezuela no bloco, que aconteceu em julho.

Confirmaram presença na cúpula, além da presidenta Dilma Rousseff, os presidentes Cristina Kirchner, da Argentina; José Pepe Mujica, do Uruguai; Rafael Correa, do Equador; Evo Morales, da Bolívia; Donald Ramotar, da Guiana e Desi Bouterse, do Suriname.
.
Na semana passada, Chávez viajou para Havana para um tratamento completar de combate ao câncer e sessões de fisioterapia. Desde que viajou, não houve informações sobre seu estado de saúde, nem sobre o andamento do tratamento.

registrado em: