Em SP

Jornada Pela Democracia por Lula livre, eleições legítimas e por Marielle

Evento reúne intelectuais, artistas, ativistas e políticos que defendem a liberdade do ex-presidente e seu nome nas urnas nas eleições de outubro. Economista Paul Singer também será lembrado

Ricardo Stuckert
Jornada Pela Democracia

Jornada Pela Democracia #LulaLivre é a partir das 18h, na sede do no Sindicato dos Engenheiros de São Paulo, no centro da capital

São Paulo – Em defesa da liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo direito de se apresentar como candidato à presidência da República, lideranças políticas, movimentos sociais, intelectuais e artistas se reúnem nesta segunda-feira (14) em São Paulo em mais uma edição da Jornada Pela DemocraciaO evento, iniciativa do deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), também prestará homenagem à vereadora Marielle Franco, executada em crime ainda não esclarecido há exatos dois meses, no Rio de Janeiro. O economista Paul Singer, um dos idealizadores da chamada economia solidária, que morreu no mês passado, também será homenageado.

Participam da Jornada os ex-prefeitos de São Paulo e de São Bernardo do Campo, Fernando Haddad e Luiz Marinho, respectivamente; a presidenta do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR); o senador Lindbergh Farias (PT-RJ); o bispo Dom Angélico Sândalo Bernardino; a ex-ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres Eleonora Menicucci; o escritor Raduan Nassar; a cartunista Laerte Coutinho; as cineastas Tata Amaral e Laís Bodanzky, além de lideranças do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e da Central de Movimentos Populares (CMP), entre outros. 

Durante a jornada, também será lançado o segundo volume da Enciclopédia do Golpe, que aborda a atuação dos meios de comunicação que apoiaram o impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff. A cineasta Maria Augusta Ramos, diretora do documentário O Processo, que também trata do impeachment, com estreia nacional na próxima quinta-feira (17), participa do evento.

A Jornada Pela Democracia será realizada a partir das 18h, na sede do Sindicato dos Engenheiros de São Paulo, que fica na Rua Genebra, 25, próxima à estação Anhangabaú do metrô, no centro da capital.

Jornada Pela Democracia #LulaLivre