Home Política No ABC, petista perde em São Bernardo e vai ao 2º turno em Santo André
Eleições 2016

No ABC, petista perde em São Bernardo e vai ao 2º turno em Santo André

Região com quatro dos 13 maiores eleitores do estado terão disputas envolvendo seis partidos. Tucano ganha em São Caetano
Publicado por Redação RBA
20:26
Compartilhar:   
Facebook/Reprodução
Tarcisio e grana.jpg

Tarcísio ficou atrás de Orlando Morando (PSDB) e Alex Manente (PPS). Grana buscará reeleição no segundo turno

São Paulo – Na região do ABC paulista, que concentra quatro dos 13 maiores eleitorados do estado, os resultados mostram disputas distintas no segundo turno: PSDB x PPS em São Bernardo do Campo, PSDB x PT em Santo André, PV x PRB em Diadema e PSB x PT em Mauá. Em São Caetano, reduto conservador, o tucano José Auricchio Jr. foi eleito.

Com 611.777 eleitores, o quarto maior do estado, São Bernardo terá um segundo turno entre Orlando Morando (PSDB) e Alex Manente, do PPS. O tucano obteve 45,07% dos votos válidos, enquanto seu oponente ficou com 28,41%. Tarcísio Secoli, do PT, candidato do atual prefeito, Luiz Marinho, foi o terceiro colocado, com 22,57%.

Em Santo André (569.662 eleitores), Paulo Serra, do PSDB, teve 35,85% dos votos válidos e o atual prefeito, Carlos Grana (PT), 20,28%. O terceiro foi Dr. Aidan (PSB), com 17,04%.

Em Diadema (330.911 eleitores), Lauro Michels (PV), que  busca a reeleição, teve 48,10%. Ele enfrentará o vereador Vaguinho (PRB, até o ano passado no PSB), que ficou com 21,85%. O também vereador Maninho, candidato do PT, fica com 16,37%.

Mauá (303.058 eleitores) teve o deputado Atila Jacomussi (PSB) com 46,73% dos válidos e o atual prefeito, Donisete Braga (PT), com 22,90%. O ex-prefeito Clóvis Volpi teve 20,23%.

São Caetano do Sul, que tem 128.453 eleitores, deu a vitória a José Auricchio (PSDB) com 34,34% dos votos válidos. Paulo Pinheiro, do PMDB, teve 30,71%. Em terceiro, Fábio Palácio (PR), com 20,66%.

Ribeirão Pires (90.027 eleitores) elegeu Kiko (PSB), que recebeu 30,31% dos válidos. Em Rio Grande da Serra (34.88), ganhou Gabriel Maranhão (PSDB), atual prefeito, com 45,47%.