Home Política Militância do PT está no aeroporto aguardando liberação de Lula
resistência

Militância do PT está no aeroporto aguardando liberação de Lula

Segundo parlamentares petistas o depoimento já acabou e que o presidente deve ser liberado em breve
Publicado por Redação da RBA
12:09
Compartilhar:   
Mídia Ninja
PT

Com muitas bandeiras e cartazes os manifestantes entoam: “Lula guerreiro do povo brasileiro”

São Paulo – Dezenas de militantes do PT estão nesse momento no saguão das autoridades Aeroporto de Congonhas aguardando a liberação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que foi levado pela Polícia Federal para depor pela 24ª fase da operação Lava Jato. Segundo parlamentares petistas o depoimento já acabou e que o presidente deve ser liberado em breve

Com muitas bandeiras e cartazes os manifestantes entoam aos gritos, “Mexeu Com Lula mexeu comigo”, Lula guerreiro do povo brasileiro”.

“Houve bastante confusão, as pessoas estão a flor da pele. Não vamos acatar o golpe. Estamos aqui para receber o lula. A mobilização está só começando”, diz uma das militantes à Rádio Brasil Atual.

“Não aceitamos o que está acontecendo. Isso é um golpe contra a democracia. Não há nada que Justifique essa ação da Polícia Federal contra Lula. Se há interesse de em ouvi-lo, bastava notificá-lo. O que aconteceu hoje é um abuso e uma afronta à democracia, que terá nossa resposta”, defendeu o deputado Paulo Pimenta (PT) à Rádio Brasil Atual.

“O que aconteceu foi algo ilegal. Não havia necessidade de uma ação com policiais fortemente armados e ruas interditadas. Bastava uma notificação. Isso foi feito para constranger e humilhar o PT”, continuou.

O governador do Maranhão, Flavio Dino (PCdoB) também criticou a atuação da Polícia Federal em sua conta no Twitter: “no Direito, os fins não justificam os meios. São os meios que justificam os fins. Fazer justiça não pode ser um vale-tudo”, disse. “Medidas coercitivas devem obedecer ao princípio da proporcionalidade (necessidade). Não me parece o caso na condução do ex-presidente Lula.”

O deputado Paulo Teixeira (PT), concorda. “Condução coercitiva quando não há sequer uma intimação para depor, quanto mais a negação ao depoimento, tem nome. É #Golpe #PovoComLula”, disse na rede social.

“Condução de Lula completa Estado de Exceção não declarado. Quem festeja, lembrem-se: ele te pegará amanhã, se for vontade de quem decide”, disse o ex-governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro (PT), no Twitter.

Leia também:

    registrado em: , , ,