Quarto dia

Brasil retoma busca de medalhas. Futebol feminino vai a campo

Principais chances de pódio estão no judô, com Victor Penalber, e no boxe, com Robson Conceição

Flavio Florido/COB
Marta futebol.jpg

Em Manaus, seleção feminina de futebol vai a campo nesta terça-feira, às 22h, contra a África do Sul

São Paulo – O quarto dia de competições dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro começa na manhã de hoje (9) com oportunidades de medalhas para o Brasil. Robson Conceição, melhor boxeador do país e vice-campeão mundial em 2013, sobe ao ringue às 11h45, contra Anvar Yunusov, do Tadjiquistão.

Após o ouro de Rafaela Silva ontem (8), no judô, o país pode conquistar mais uma medalha na modalidade. O judoca Victor Penalber entra no tatame na fase eliminatória pela categoria até 81 quilos, às 10h. As finas serão às 15h30. No feminino, Mariana Silva também estará na disputa, contra a ganesa Szandra Szogedi

Destaque do dia, mas ainda na fase de grupos, a seleção feminina de futebol vai a campo, às 22h, contra a África do Sul. A partida, válida pela terceira rodada, será realizada em Manaus. Já classificada, a equipe coleciona duas goleadas, contra Suécia (5 a 1) e China (3 a 0).

Nas quadras, o Brasil enfrenta o Canadá no vôlei masculino, às 22h35. No basquete, após derrota na estreia, a seleção brasileira faz um clássico contra a forte equipe da Espanha, às 14h15.

Na ginástica artística, o time feminino pode conquistar um lugar no pódio. Às 16h, Daniele Hypolito, Jade Barbosa, Rebeca Andrade, Flavia Saraiva e Lorraine Oliveira participarão da trave, solo, salto e barras assimétricas. Os Estados Unidos, da ginasta Simone Biles, são favoritos ao ouro.

Além dos representantes brasileiros, outros grandes atletas globais podem brilhar hoje. Em busca da 20ª medalha dourada, o nadador americano Michael Phelps está na decisão dos 200 metros borboleta, às 22h. A tenista Serena Williams vai à quadra às 18h45, contra a ucraniana Elina Svitolina.

Tênis: vitória e derrota

O dia de ontem foi positivo para uma das duplas brasileiras do tênis. Bruno Soares e Marcelo Melo desbancaram por 2 a 0 os sérvios Nenad Zimonjić e Novak Djokovic, este número 1 do mundo na modalidade. Após eliminar os favoritos irmãos Murray, os brasileiros Thomaz Belluci e André Sá foram eliminados pelos espanhóis Andreas Seppi e Fabio Fognini, por 2 sets a 1.

O maior medalhista do Brasil, Robert Scheidt, terminou em sétimo lugar do ranking geral da vela na categoria Laser.

No vôlei, a seleção feminina venceu de forma fácil a Argentina por 3 a 0, na segunda rodada da competição, e mantém a liderança do grupo. Já no basquete, as mulheres perderam para o Japão: 82 a 66.

Leia também

Últimas notícias