Você está aqui: Página Inicial / Economia / 2017 / 03 / Preços da cesta básica, em fevereiro, caem em 25 das 27 capitais

Consumo

Preços da cesta básica, em fevereiro, caem em 25 das 27 capitais

Produtos como óleo de soja, café e farinha de mandioca tiveram predominância de alta. Feijão, carne bovina, tomate, açúcar e leite integral caíram de preço. Mínimo foi calculado em R$ 3.658,72
por Redação RBA publicado 07/03/2017 13h04
Produtos como óleo de soja, café e farinha de mandioca tiveram predominância de alta. Feijão, carne bovina, tomate, açúcar e leite integral caíram de preço. Mínimo foi calculado em R$ 3.658,72
cc / wikimedia commons

São Paulo – Os valores da cesta básica calculados pelo Dieese caíram, no mês passado, em 25 das 27 capitais. As principais quedas foram apuradas em Manaus (-5,14%), Maceió (-5,10%), Porto Alegre (-4%), Brasília (-3,71%) e no Rio de Janeiro (-3,55%), enquanto as únicas altas vieram de Natal (0,59%) e São Luís (0,14%).

Mesmo com a queda em fevereiro, a cesta mais cara foi a de Porto Alegre (R$ 435,51), seguida de Florianópolis (R$ 434,13) e de São Paulo (R$ 426,22). Os menores valores foram registrados em Rio Branco (R$ 330,58) e Recife (R$ 344,06).

Com base no maior valor, o Dieese calculou em R$ 3.658,72 o salário mínimo para as despesas básicas de uma família. A proporção em fevereiro foi de 3,90 vezes o mínimo oficial (R$ 937), ante 4,07 em janeiro e 4,23 em fevereiro do ano passado.

O tempo médio necessário para adquirir os produtos da cesta básica foi de 89 horas e 33 minutos. Menor tanto em relação a janeiro (91 horas e 48 minutos) como na comparação com fevereiro de 2015 (96 horas e 37 minutos).

Segundo o Dieese, houve predominância de alta de preços nos casos de óleo de soja (22 capitais), café em pó (20 cidades) e farinha de mandioca, pesquisada nas regiões Norte e Nordeste. Já o feijão caiu em 26 das 27 capitais, enquanto o preço da carne bovina recuou em 23 e o do tomate, em 22. Açúcar e leite integral também tiveram redução de preço na maioria dos locais pesquisados.

mapa_cesta2017.jpg