retomada

Haddad vai tirar Casas de Cultura das subprefeituras

Equipamentos voltarão a ser administrados pela secretaria comandada por Juca Ferreira em São Paulo

Marcello Casal Jr./ABr
juca ferreira

Segundo Juca Ferreira, as casas de cultura eram usadas por vereadores para distribuir cargos.

São Paulo – O secretário municipal de cultura de São Paulo, Juca Ferreira, disse ontem (27) que as Casas de Cultura voltarão a ser administradas pela pasta. Decreto nesse sentido deve ser publicado nos próximos dias pelo prefeito Fernando Haddad (PT), segundo Ferreira.

As Casas, a maioria em bairros periféricos, hoje estão sob responsabilidade das subprefeituras.

“A posição política já foi tomada. Eu acredito que em um mês já esteja tudo certo. E é de comum acordo entre a Secretaria das Subprefeituras e a de Cultura e nós vamos trabalhar juntos. Já estamos fazendo reuniões com os coordenadores das casas para afinarmos as violas”, afirmou.

A medida atende à revindicação de movimentos sociais, artistas e arte-educadores e do próprio secretário que afirmou para a RBA, em abril, que os equipamentos eram usados por vereadores para distribuir cargos.

“As Casas de Cultura vão voltar para a Secretaria. No último governo, elas tinhas ido para as subprefeituras com indicações políticas, tinham perdido completamente o sentido cultural e o sentido público. São equipamentos não só para apresentações, mas também para oficinas, contato com o público”, reiterou.

O secretário afirmou ainda que também já foi decido pela cogestão dos Centros Unificados de Educação (CEUs). Hoje, os equipamentos que surgiram com a ideia de juntar cultura e educação, são administrados apenas pela Secretaria de Educação.

Existem 45 CEUs em funcionamento. A construção de novos 20 é promessa da gestão Haddad. Quatorze já têm localização escolhida e usarão parte da infraestrutura de equipamentos já existente, como os Clube Escolas.