Você está aqui: Página Inicial / Saúde e Ciência / 2018 / 02 / Para 95%, internet é pelo celular. E 94% usam para trocar mensagem

Sem desgrudar

Para 95%, internet é pelo celular. E 94% usam para trocar mensagem

Pesquisa do IBGE mostra preferência do telefone móvel para acessar a rede. Computador é usado por minoria
por Redação RBA publicado , última modificação 21/02/2018 14h46
Pesquisa do IBGE mostra preferência do telefone móvel para acessar a rede. Computador é usado por minoria
Divulgação
internet celular

Entre os usuários de internet, maioria acessa pelo celular e quase todos usam banda larga

São Paulo – Das pessoas com 10 anos ou mais que acessaram a internet em 2016, 95% o fizeram pelo aparelho celular, segundo pesquisa do IBGE. E 94% usaram a internet para trocar mensagem (de texto, voz ou imagens). A maior frequência de uso está na faixa de 18 a 24 anos, diminuindo na medida em que a idade aumenta. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, especificamente para acesso a TV, celular e internet.

A pesquisa mostra que, entre usuários de internet, 94,6% acessaram a rede mundial via celular e 63,7%, por microcomputador. Depois vêm tablet (16,4%), televisão (11,3%) e outros equipamentos (menos de 1%). Um terço usava apenas celular.

Havia celulares em quase 93% dos 69,3 milhões de domicílios brasileiros. E em 69% a internet era usada. O equipamento mais usado para acessar a internet era justamente o celular: 97%. Em 39% das residências, foi o único equipamento. O computador foi o meio exclusivo em apenas 2%, embora estivesse presente em 58% dos domicílios.

Ainda de acordo com o instituto, 63 milhões de pessoas acima de 10 anos não usavam a internet: 38% disseram não saber usar ou alegaram falta de interesse, enquanto 14% consideravam o serviço caro.

Mais de 41 milhões não tinham celular para uso pessoal. Quase 26% consideravam o equipamento caro, 22% disseram não ter interesse, 21% usavam o aparelho de outra pessoa e 20% não sabiam usar.

De 179,4 milhões de pessoas com 10 anos ou mais, 65% usaram a internet pelo menos uma vez nos 90 dias anteriores à entrevista domiciliar. Esse índice sobe para 72,3% no Sudeste, 71,8% no Centro-Oeste e 67,9% no Sul, caindo para 54,3% na região Norte e 52,3% no Nordeste.

Segundo a Pnad, a utilização da internet foi crescente com o aumento da idade, até a faixa de 24 anos. Era de 85,2% nas faixas de 14 a 17 e de 20 a 24 anos, subindo a 85,4% entre 18 e 19 anos. Entre os idosos (acima de 60), cai para apenas 24,7%. O uso era de 63,8% entre os homens e 65,5% com as mulheres.

De 37,2 milhões de estudantes, 81,2% usavam a internet, índice que cai para 75% na rede pública e aumenta para 97,4% no ensino privado. No recorte por escolaridade, chega a 97,1% entre as pessoas com ensino superior incompleto.

Praticamente a totalidade dos usuários de internet (99,6%) usava banda larga, fixa ou móvel. A fixa era usada por 81% e a móvel, por 77%.