Você está aqui: Página Inicial / Política / 2010 / 10 / No DF, Justiça Eleitoral determina retirada de vídeo sobre família Roriz

No DF, Justiça Eleitoral determina retirada de vídeo sobre família Roriz

Agnelo quer a mudança nas fotos da urna de Joaquim Roriz pela da esposa, Weslian
por jessicasouza publicado , última modificação 08/10/2010 18h30
Agnelo quer a mudança nas fotos da urna de Joaquim Roriz pela da esposa, Weslian

São Paulo - O juiz eleitoral auxiliar Teófilo Rodrigues Caetano Neto determinou a retirada, do site YouTube, de vídeo considerado ofensivo à candidata ao governo do Distrito Federal, Weslian Roriz (PSC). A peça faz uma paródia do seriado “A Grande Família”, da TV Globo, associando ao grupo político de Joaquim Roriz (PSC).

A decisão contra o Google Internet Brasil Ltda (empresa responsável pelo Youtube) estipula que caso não o vídeo não seja retirado em 24 horas depois de notificada, a empresa terá de pagar, diariamente, multa no valor de R$ 10 mil. Além disso, a decisão prevê que o Google forneça à Justiça dados aptos a identificaram os responsáveis pelo conteúdo.

A coligação de Weslian Roriz apresentou um outro pedido na quinta-feira (8) requerendo a retirada de quatro outros vídeos no YouTube considerados como ofensivos à honra da candidata. Dois contém imagens de debates e dois têm imagens editadas de Weslian – tendo uma de suas frases remixada com uma música ao fundo, segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF). A relatora da Representação, que ainda não se manifestou sobre a liminar, é a juíza Nilsoni de Freitas Custódio.

Foto na urna

A Coligação Novo Caminho, do candidato Agnelo Queiroz (PT) entrou com requerimento para que a foto e o nome de Joaquim Roriz sejam substituidos pelos de Weslian Peles Roriz, que substituiu o ex-governador como candidata ao governo do Distrito Federal.

Segundo o TRE-DF, uma consulta sobre a possibilidade de substituição já foi feita ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas não houve resposta sobre o tema.