Home Política Trabalhadores preparam mobilização contra privatizações de Doria
Vende SP

Trabalhadores preparam mobilização contra privatizações de Doria

Representantes de seis empresas públicas que estão na lista de privatizações do governador paulista se reuniram na Assembleia Legislativa
Publicado por Redação RBA
13:26
Compartilhar:   
Marcelo Chello/CJPress/Folhapress
doria privatizações

Como fez na prefeitura de São Paulo, primeiro projeto de Doria no governo estadual é para privatizar o patrimônio estadual

São Paulo – Trabalhadores das seis empresas públicas paulistas que estão na proposta de privatizações do governador João Doria (PSDB) preparam mobilizações para a próxima semana para para dialogar com a população e mostrar a importância dessas empresas para o estado. Para eles, o Projeto de Lei (PL) 1 é um cheque em branco para privatizar, sem explicar como será feito, quais os objetivos da medida e que benefícios trará à população.

As seis empresas relacionadas no projeto são: Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa); Companhia Paulista de Obras e Serviços (CPOS); Empresa Paulista de Planejamento Metropolitano S/A (Emplasa); Companhia de Desenvolvimento Agrícola de São Paulo (Codasp); Imprensa Oficial do Estado de São Paulo; e Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp).

Para o arquiteto Pedro Suarez, servidor da Emplasa, o PL é um talão de cheque em branco. “O governador pede ao Legislativo para ter poderes de alienar ações ou extinguir, fundir, transformar seis empresas. E diz que elas podem ser incluídas no plano de desestatização. Mas não explica qual ação será tomada sobre cada empresa nem o que vai acontecer com os trabalhadores”, ressaltou, em entrevista ao repórter Cosmo Silva, da Rádio Brasil Atual.

A deputada estadual Beth Sahão (PT) ressaltou que as companhias não são deficitárias e não há justificativa para a privatização. “São empresas que prestam um serviço fundamental. São lucrativas. O único interesse que eu posso ver é de atender a quem ele representa, os empresários que ajudaram ele a se eleger”, afirmou.

Confira a reportagem