Diário do Bolso

Meu governo tem mais vazamento do que aquelas piscinas de plástico

Ontem vazou uma lista que o Ministério da Economia encomendou para a empresa BR+Comunicação sobre formadores de opinião

Reprodução
O Felipe Neto, que tem cabelo azul feito uma arara, está na lista dos detratores

Diário, meu governo tem mais vazamento que aquelas piscinas de plástico que eu comprei pros meninos quando eles eram meninos.

Ontem, por exemplo, vazou uma lista que o Ministério da Economia encomendou para a empresa BR+Comunicação sobre formadores de opinião (jornalistas, youtubers e professores universitários).

A BR+ dividiu os fofoqueiros de acordo com o jeito que eles falam de mim e do Guedes. Tem os detratores, que são os do contra; os neutros informativos, que não fedem nem cheiram; e os favoráveis, que são os puxas-sacos.

Na lista dos “detratores” estão o esquerdopata do Xico Sá, as traíras da Rachel Sherazade e da Vera Magalhães, o Felipe Neto, que tem cabelo azul feito uma arara, aquele tal de Guga Chacra, que se penteia com ventilador (a esquerdalha não gosta de cabelo normal?), o Alberto Bennet, aquele comunochargista, e mais uns 45 caras.

Dos neutros eu até esqueci, que esses não interessam.

E entre os baba-ovos estão: o Milton Neves (que se eu pedir lambe minha bota até ela ficar lustrosa), o Rodrigo Constantino (que se eu quiser deita no chão para eu fazer de capacho), o Guilherme Fiúza (que é capaz de me levar nos ombros pra eu brigar com as emas) e o Roger, que vai trocar o nome do conjunto dele pra Brodagem a Rigor, porque só me elogia. Mais uns 15 ou 20 pelegos.

Esses, sim, são brasileiros de bem. Eles não ficam vendo meus defeitos. E, se veem, ficam calados. O nome disso é patriotismo!

A canhotagem já está reclamando, dizendo que o governo gasta dinheiro público pra espionar jornalista (a BR+ ganhou 2,7 milhões para fazer essa pesquisa e outras coisas).

O que a gente vai fazer em relação a isso? Espionar quem chama a gente de espião, é claro!

Torero

#diariodobolso

PS: O Kássio Nunes parou mais um processo contra mim no STF. Era um que ia julgar se eu posso ou não bloquear alguém nas redes sociais, porque eu dei block nuns esquerdalhas aí. O Kássio pediu destaque (a Cármen Lucia já tinha votado contra mim) e agora a coisa não pode mais ser julgada virtualmente. Ou seja, ele empurrou a bagaça lá pra depois da curva. Tendo o Aras e o Kássio como zagueiros, ninguém vai fazer gol em mim, kkk!