Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Curta essa dica / 2012 / 05 / Filmes sobre a ditadura brasileira ganham mostra em Maceió

Filmes sobre a ditadura brasileira ganham mostra em Maceió

por guibryan1 publicado 26/05/2012 15h05

"Cidadão Boilesen" é um dos destaques da mostra de filme sobre a ditadura, na capital de Alagoas (Reprodução)

O Centro Universitário Cesmac e a Faculdade Integrada Tiradentes (FIT), em Maceió (AL), junto com a Universidade Federal de Alagoas (UFAL), serão, entre 28 de maio e 6 de junho, palco da mostra,  “Cinema Pela Verdade”, realizada pelo Ministério da Justiça e do Instituto Cultura em Movimento com filmes que retratam o período do regime militar no Brasil (1964-1985).

Entre os convidados que debaterão com os presentes, estarão o cineasta Silvio Da-Rin, diretor de “Hércules 56”; e o ator Caio Blat, protagonista de “Uma Longa Viagem”, de Lúcia Murat.
“Hércules 56” retrata os bastidores do sequestro do embaixador norte-americano no Brasil, Charles Burke Elbrick, em setembro de 1969, por militantes do Movimento Revolucionário 8 de Outubro (MR-8), que desejavam a libertação de 15 presos políticos.

Esses sequestradores são reunidos pelo cineasta num bar para lembrarem tal episódio histórico. O nome do filme é uma referência ao avião da Força Aérea Brasileira que levou os guerrilheiros libertados para o México, de onde foram para Cuba.

Lúcia Murat resolveu recuperar as cartas escritas pelo irmão caçula, que no período do regime militar, foi enviado pelos pais para a Inglaterra, onde descobriu as drogas e realizou inúmeras viagens por diferentes lugares do mundo. Esses relatos eram um alento para a própria realizadora, que nesse período figurava como presa política. Essa é a história do incrível documentário “Uma Longa Viagem”, que teve resenha publicada pela Rede Brasil Atual.

Outras atrações da mostra são o documentário “Cidadão Boilesen”, dirigido por Chaim Litewski, que retrata a história do dono da empresa de gás Ultragaz, o dinamarquês Henning Boilsesen, que foi um dos financiadores da ditadura militar brasileira e presenciou atos de tortura contra presos políticos, até ser executado a tiros por militantes de esquerda do grupo Ação Libertadora Nacional (ALN), em São Paulo, em 1971. O também documentário “Condor”, do diretor Roberto Mader, mostra a cooperação entre governos militares sul-americanos que provocou o sequestro, o assassinato e/ou o exílio de milhares de pessoas.

Serviço
Cinema Pela Verdade – De 28/5 a 06/6. Grátis
Cesmac – Rua Professor Ângelo Neto, 56. Farol
Fits – Avenida Comendador Gustavo Paiva, 5017. Cruz das Almas
T: (82) 9625-0922

[email protected]