Você está aqui: Página Inicial / Trabalho / 2012 / 05 / Liminar proíbe Caixa de abrir neste sábado

Liminar proíbe Caixa de abrir neste sábado

Sindicato ingressou com ação judicial contra funcionamento de agências fora do expediente bancário
por Redação da RBA publicado , última modificação 11/05/2012 23h34
Sindicato ingressou com ação judicial contra funcionamento de agências fora do expediente bancário

São Paulo - As 48 agências da Caixa Econômica Federal que deveriam funcionar neste sábado (12) em São Paulo, Osasco e nos municípios da região não poderão abrir suas portas. A determinação é da juíza do Trabalho Maria Eulália de Souza Pires que concedeu liminar à ação civil pública movida pelo sindicato contra a abertura das unidades e atuação dos bancários.

A magistrada sentenciou que a Caixa se abstenha de exigir o trabalho de seus funcionários, sob pena de multa diária de R$ 5 mil por empregado. O banco foi citado na noite de hoje (11).

Em sua argumentação o sindicato ressaltou que de acordo com o artigo 224 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), sábado não é dia de expediente bancário. Também mencionou a Lei 4.178/62, que estabelece que o funcionamento aos sábados só seria possível em caso de trabalho extraordinário, com regras claras previstas no artigo 61 da CLT: “Para fazer face a motivo de força maior, seja para atender à realização ou conclusão de serviços inadiáveis ou cuja inexecução possa acarretar prejuízo manifesto”.

“Como não é esse o caso, não há por que a Caixa abrir suas portas neste sábado”, afirmou a presidenta do sindicato, Juvandia Moreira. “Fomos comunicados pela imprensa, tentamos falar com a direção do banco, mas ela tomou uma decisão unilateral e se recusou a atender os representantes dos trabalhadores. Por isso tivemos de recorrer à Justiça pra preservar o direito de descanso dos bancários”, disse Juvandia, ressaltando que a abertura das agências criaria um precedente ruim para a categoria. “O HSBC já tentou forçar o trabalho aos sábados e também não permitimos. O sindicato não admitirá que invistam contra os direitos dos bancários.”

Brasil – Em todo o Brasil está prevista a abertura de 500 agências da Caixa em diversas cidades. Os sindicatos de bancários do Espírito Santo e do Ceará também conseguiram liminares que proibiram o funcionamento.


Leia aqui a íntegra da liminar concedida


Fonte: Sindicato dos Bancários de São Paulo