Você está aqui: Página Inicial / Cultura / 2018 / 06 / Danny Glover: o ativismo sustentável é essencial para a democracia

Cidadão do mundo

Danny Glover: o ativismo sustentável é essencial para a democracia

Ator e ativista é o convidado desta terça no "Entre Vistas", com Juca Kfouri. Para ele a onda global de ataques ao movimento sindical é fator de desestabilização dos trabalhadores e da democracia
por Redação RBA publicado 05/06/2018 18h00, última modificação 05/06/2018 18h50
Ator e ativista é o convidado desta terça no "Entre Vistas", com Juca Kfouri. Para ele a onda global de ataques ao movimento sindical é fator de desestabilização dos trabalhadores e da democracia
TVT
danny glover no entrevistas

Danny Glover acompanha os movimentos do Brasil desde 2003

São Paulo – O ator norte-americano Danny Glover é o convidado de Juca Kfouri no programa Entre Vistas desta terça-feira (5), na TVT. Famoso por papeis em filmes que fizeram história, Glover é também conhecido em todo o mundo por seu comprometimento com as lutas dos trabalhadores, por igualdade racial e justiça social.

Nos primeiros anos desta década, visitou várias vezes o Brasil para divulgar campanhas de entidades sindicais internacionais em defesa de trabalhadores do setor de serviços, como os da Sodexo, e da indústria, como a Nissan, pelo direito à representação sindical. 

Seu engajamento no movimento negro o trouxe ao Brasil pela primeira vez em 2003. Aqui conheceu a educadora e também ativista Eliane Cavallero, com quem se casou. E passou a conhecer e se identificar com as políticas públicas e externa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a quem foi prestar solidariedade em Curitiba na semana passada.

Glover foi um grande divulgador pelo mundo das políticas de combate à pobreza e à desigualdade racial. E abraçou com uma espécie de gratidão a opção do governo Lula de trabalhar relações comerciais e culturais com a África: "Cerca de 80 milhões dos afrodescendentes do hemisfério sul vivem no Brasil. Pela sua liderança regional e mundial, o Brasil pode exercer uma influência extraordinária no futuro dos afrodescendentes. Estou muito contente de ver o ex-presidente Lula expor seu desejo de trabalhar com países da África, estabelecendo relações voltadas ao desenvolvimento", afirmara em entrevista concedida à Revista do Brasil em 2011

Nesta participação no Entre Vistas, o ator de muitos papéis clássicos (de ação em Máquina Mortífera e Jogos Mortais a dramas como A Cor Púpura e Ensaio Sobre a Cegueira) fala de seu papel na vida real, como embaixador das Nações Unidas para direitos humanos e assuntos raciais, e lutador de causas sociais mundo afora. Discute as injustiças globais contra a população negra e pobre. E também a injustiça praticada contra Lula, vítima de perseguição judicial e preso político desde 7 de abril. Uma prisão que incomoda o mundo democrático.

O Entre Vistas pode ser visto às 21h desta terça-feira (5) no canal digital 44.1, além dos canais da TVT no Youtube e no Facebook. A íntegra também estará disponível logo abaixo, aqui na RBA, com transmissão a partir de 21h. Participaram da conversa com Danny Glover, além de Juca Kfouri, a sindicalista bancária Rita Berlofa, presidenta da entidade sindical UNI Finanças Mundial, e a jornalista Semayat Oliveira, uma das fundadoras do coletivo Nós Mulheres da Periferia. 

O programa é exibido também pela TV Bahia, Rede Minas e TV Universidade Federal de Goiás.