Você está aqui: Página Inicial / Blogs / Curta essa dica / 2012 / 03 / Festival no Rio promove encontros da nova música brasileira

Festival no Rio promove encontros da nova música brasileira

por guibryan1 publicado 15/03/2012 09h46

O rapper paulistano Criolo é uma das atrações do diversificado Sonoridades, no Rio (Foto: ©Junior Furlan/Divulgação)

Começa nessa quinta-feira, 15 de março, a partir das 21hs, na casa noturna Oi Futuro e no Teatro Oi Casagrande, no Rio de Janeiro, a segunda edição do festival Sonoridades, que tem como objetivo promover encontros de novos nomes da música brasileira. Ao todo, serão oito shows, com mais de 15 músicos selecionados através da curadoria do produtor musical Nelson Motta.

Para abrir o festival, o rapper paulistano Criolo encontra outros dois conterrâneos, o rapper Emicida e o cantor e compositor Rodrigo Campos, que tem chamado a atenção com releituras de sambas de São Paulo. Na sexta-feira, 16 de março, será a vez de Criolo e Emicida se encontrarem com Cézar Mendes, cavaquinista, violonista, percussionista e compositor baiano, que lançou o primeiro álbum em 2011.

No sábado seguinte, será a vez de Moreno Veloso, conhecido pela Orquestra Imperial e pelo projeto +2, receber dois talentos do samba e do carnaval carioca – o cantor e compositor Pedro Miranda, fundador e integrante por mais de 10 anos do grupo Semente; e Luis Filipe de Lima, diretor musical que tocou violão de 7 cordas com ícones como Beth Carvalho, Martinho da Vila e Dona Ivone Lara.

Apontada como uma das novas sensações da música brasileira, Gaby Amarantos traz seu tecnobrega e carimbo eletrônico de Belém do Pará; traz consigo a conterrânea cantora e compositora Lia Sophia; e se encontra com a cantora e compositora carioca Nina Becker. Os shows acontecem em 23 e 24 de março, sexta-feira e sábado.

Fugindo um pouco do modelo do festival, na quarta-feira, 28 de março, o produtor BID apresenta o álbum “Bambas 2”, que reúne a velha guarda do reggae, do ska e do dancehall da Jamaica, mistura com a música nordestina brasileira. O show contará com as participações especiais do jamaicano Luciano e do brasileiro Chico César.

O artista mais veterano do festival é o sempre aclamado guitarrista, produtor musical, compositor e arranjador pernambucano Robertinho de Recife, que está na estrada desde o final da década de 1960, mas que não lança um álbum desde 1990. Ele encerrará o festival na sexta-feira e no sábado, 30 e 31 de março, com outros dois ícones, o cantor, compositor e escritor carioca Jorge Mautner e o compositor e produtor pernambucano DJ Dolores, que tem conquistado grande destaque internacional.

Todos os shows poderão ser acompanhados em streaming pelo site http://www.sonoridades.com.br/, onde é possível também acessar a programação completa.

Serviço
Festival Sonoridades II – de 15 a 31/3, sempre as 21hs
Ingressos de R$10 a R$20
Teatro Oi Futuro – Rua Visconde de Pirajá, 54. Ipanema. T: (21) 3201-3010
Teatro Oi Casagrande – Avenida Afrânio Melo Franco, 290. Leblon. T: (21) 3114-3712

 

[email protected]

registrado em: , , , ,