Você está aqui: Página Inicial / Economia / 2010 / 03 / Caixa aplicou R$ 8,5 bilhões em habitação no primeiro bimestre

Caixa aplicou R$ 8,5 bilhões em habitação no primeiro bimestre

Total de contratos chegou a 143 mil, crescimento de 108%, segundo o banco
por Vitor Nuzzi, da RBA publicado 10/03/2010 14h24, última modificação 10/03/2010 14h26
Total de contratos chegou a 143 mil, crescimento de 108%, segundo o banco

São Paulo - A Caixa Econômica Federal informou nesta quarta-feira (10) que aplicou R$ 8,51 bilhões em habitação no primeiro bimestre do ano, para um total de 143.035 contratos. Tanto o valor como a quantidade de contratos cresceram 108%. Segundo a Caixa, R$ 5,57 bilhões foram contratados em financiamentos para aquisição ou construção de imóveis e R$ 2,94 bilhões foram aportados em financiamentos para a produção de imóveis. "A contratação habitacional deste primeiro bimestre de 2010 já se equipara a toda a contratação realizada no ano de 2005, que foi de R$ 8,49 bilhões", diz o banco.

Em 2009, o volume de financiamentos totalizou R$ 47,05 bilhões, dos quais R$ 14,1 bilhões foram destinados ao programa "Minha Casa, Minha Vida". O número de famílias beneficiadas chegou a 896.762, sendo 275.528 dentro do programa. O volume de crédito cresceu 102% ante 2008.

A Caixa informou ainda que apenas no estado de São Paulo foram financiados 34.766 imóveis em janeiro e fevereiro, no valor de R$ 2,6 bilhões. As linhas de crédito com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) alcançaram mais de R$ 1,2 bilhão, com 10.989 financiamentos.

De acordo com o banco, até 26 de fevereiro foram recebidas 3.470 propostas de empreendimentos, com 712.556 unidades habitacionais enquadráveis no "Minha Casa, Minha Vida" – 327.090 já foram contratadas. Em São Paulo, foram 727 propostas, com 133.707 unidades, 66.867 já contratadas (21.820 na região metropolitana e 45.047 no interior e na Baixada Santista).