Home Rádio Brasileiros produzem soja, carne e miséria no Paraguai

Brasileiros produzem soja, carne e miséria no Paraguai

Brasileiros que produzem soja na região de Alto Paraná, no Paraguai, são proprietários de 55% das terras e conseguem com forte lobby pagar baixos impostos no país vizinho. O Estado paraguaio, por sua vez, investe em políticas sociais 12 vezes menos que a Argentina e 10 vezes menos que o Brasil. Com a invasão dos “brasiguaios” a população rural paraguaia caiu de 60 para menos de 40 por cento em 20 anos. A desigualdade social no país cresce dia-a-dia, hora a hora, de acordo com o sociólogo Ramón Fogel, professor da Universidade Nacional de Assunção e do Centro de Estudos Rurais Interdisciplinares. A afirmação foi feita durante o 15º Congresso Internacional do Fomerco – Fórum Universitário Mercosul, realizado no início do mês em Assunção, no Paraguai. Reportagem Marilu Cabañas.
Publicado por
Rádio
Compartilhar:   

Brasileiros que produzem soja na região de Alto Paraná, no Paraguai, são proprietários de 55% das terras e conseguem com forte lobby pagar baixos impostos no país vizinho. O Estado paraguaio, por sua vez, investe em políticas sociais 12 vezes menos que a Argentina e 10 vezes menos que o Brasil. Com a invasão dos “brasiguaios” a população rural paraguaia caiu de 60 para menos de 40 por cento em 20 anos. A desigualdade social no país cresce dia-a-dia, hora a hora, de acordo com o sociólogo Ramón Fogel, professor da Universidade Nacional de Assunção e do Centro de Estudos Rurais Interdisciplinares. A afirmação foi feita durante o 15º Congresso Internacional do Fomerco – Fórum Universitário Mercosul, realizado no início do mês em Assunção, no Paraguai. Reportagem Marilu Cabañas.