Você está aqui: Página Inicial / Revista do Brasil / Edição 17 / Cumplicidade
Número 17, Outubro 2007

Curta essa dica

Cumplicidade

por Xandra Stefanel, Revista do Brasil publicado , última modificação 19/09/2017 17h19
divulgação
olhar

A exposição Olhar Cúmplice – Fotografias do Parapan, em cartaz na Caixa Cultural Rio, reúne flagrantes da competição capturados pelas lentes de nove fotógrafos da agência Imagens do Povo. A mostra é um depoimento poético-visual e sugere, em 30 fotos ampliadas e 120 projetadas, um novo olhar sobre o diferente, a emoção, a alegria, ingredientes para a construção de um mundo mais solidário. De terça a domingo, das 10h às 22h, na Sala Margot. Tels.: (21) 2544-7666/2544-4080. Grátis. Até 21 de outubro.

Mais do que raça

O projeto Os Mestres Mulatos, idealizado pelo maestro Marcelo Antunes Martins, difunde a história da música brasileira e a obra de compositores filhos ou netos de escravos, de Luís Álvares Pinto (1719-1789) a Pixinguinha (1898-1973). O projeto inclui os concertos da Sinfonieta dos Devotos de Nossa Senhora dos Prazeres, composta por 24 músicos: em 21 de outubro, às 12h, na Igreja Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos (Largo do Paissandu, centro de São Paulo); 8 e 29 de novembro, na Assembléia Legislativa de SP, às 19h; e 20 de novembro, na Unipalmares, às 18h (Rua Padre Luís Alves de Siqueira, Barra Funda). Partituras adaptadas para orquestras modernas e música de câmara estarão no site www.mestresmulatos.com.br

Olhe pra isso, olhe

Ao levar para o cinema o teatro vital do Bando de Teatro Olodum, a soteropolitana Monique Gardenberg faz uma poesia realista em torno da vida dos moradores de um cortiço do Pelourinho. Com elenco (Lázaro Ramos, Stênio Garcia, Dira Paes, Wagner Moura), música, sensualidade, energia e roteiro superlativos, Ó, Pai, Ó mostra o que o Carnaval da Bahia tem dentro e fora dos cartões-postais e trios elétricos. Quem não teve tempo de alcançar nas salas exibidoras, tão apressadas com os bons filmes nacionais, pode agora ver em DVD.

Abalou o mundo

O livro-reportagem Os Dez Dias Que Abalaram o Mundo (Ediouro, 536 páginas, R$ 60), do jornalista americano John Reed, relata de maneira humana e apaixonada – talvez um dos melhores textos políticos do século 20 – os acontecimentos dos primeiros dias da Revolução Russa de 1917. Reed transporta o leitor para o olho do furacão que fez ruir o império russo. O livro inspirou o filme Reds (1981), Oscar de melhor diretor para Warren Beatty, com ele próprio no papel de Reed, Diane Keaton, Jack Nicholson, Gene Hackman, Maureen Stapleton (melhor atriz coadjuvante). Disponível somente em VHS (CIC Video).

Muy amigos...

amigo

O valor da lealdade e da amizade é tema do livro O Amigo Fiel (Ed. Berlendis, 2006), adaptação de Gonzalo Cárcamo para o conto “The Devoted Friend”, de Oscar Wilde. A história é narrada por bichos da fauna brasileira. A amizade entre a ingênua capivara Valentim e a esperta queixada Xicoqueixo mostra uma relação que expõe diferenças de princípios num texto provocativo. Afinal, o que é ser leal? Quais os valores que norteiam a amizade? R$ 31.

Porque sim, oras!

Música para criança é levada a sério pela engenheira Rita Rameh. Em parceria com o violonista, guitarrista e arranjador Luiz Waack, ela lançou o CD Por quê? (Tratore, 2006) que parece uma peça musical. Bichos do Brasil, Carro, Cidade, Claro e Escuro e Poluição são algumas faixas que mostram que é possível – e saudável – tratar a criança como igual, sem inferiorizá-la.

Pequenos heróis

Cuidar do meio ambiente é o que querem os personagens infantis do projeto Ecokids. A página desperta a atenção das crianças por meio de entretenimento, noções de cidadania e do interesse pela natureza. Crianças de 8 a 10 anos de idade vivem nas proximidades de uma floresta e de uma reserva indígena e estudam na Escola Vila Verde. A galerinha consciente planeja, mobiliza e discute ações para proteger o planeta. www.ecokids.com.br

Quanta diferença

Em 2002, mais de 1,8 milhão de franceses assistiram a Ser e Ter. O documentário retrata o ano letivo em uma pequena escola e mostra como é a educação infantil no interior da França. Doze crianças, entre 4 e 10 anos, compartilham a sala e aprendem juntas várias matérias com um professor dedicado e paciente, que as conduz à adolescência, respondendo às suas argumentações e ouvindo seus problemas. Bom programa para pais, professores e alunos, sem restrição de idade, pela referência pedagógica e pela qualidade com que é tratada (VideoFilmes).

Maluquices

O Menino Maluquinho é um personagem do cartunista Ziraldo que representa muito bem o sabor da infância. Suas histórias e invenções já viraram quadrinhos, livros, peças teatrais, filmes e até uma série de TV. A página na internet ajuda crianças na atividade escolar e traz brincadeiras, piadinhas, histórias e o significado de datas importantes. Tem até uma versão online do livro original adaptada para a internet. As imagens entram rápido na tela e podem ser impressas e coloridas. http://omeninomaluquinho.educacional.com.br

Passeio carioca

O Sítio Burle Marx pode ser um divertido passeio para quem está no Rio de Janeiro. Diversidade de plantas, construções, pinturas, esculturas, desenhos, tapeçarias, vitrais, painéis de azulejos, entre outras peças, pode ser conferida no espaço comprado pelo famoso paisagista na década de 40 e doado para o governo em 1985. R$ 5. Estrada Roberto Burle Marx, 2019, (21) 2410-1412. www.burlemarx.com.br