Resposta

Bolsonaro fala em confinar ambientalistas na Amazônia. Eles aprovam: ‘#ConfinaEu’

Em nova demonstração de desprezo pelo meio ambiente, afirmação desastrada de Bolsonaro inspira reação bem humorada de ambientalistas nas redes sociais

Observatório do Clima/SMMA São Gabriel da Cachoeira
Desde que assumiu a presidência, esta é a primeira vez que Bolsonaro agrada ambientalistas

São Paulo – Pela primeira vez desde que assumiu a Presidência, Jair Bolsonaro (sem partido) deu uma ideia que agradou ambientalistas: “Confiná-los na Amazônia”. Integrantes das organizações que trabalham por políticas e práticas para o combate e a adaptação à mudança do clima – que compõem o Observatório do Clima – se anteciparam em informar ao presidente o local onde gostariam de ficar por um longo período. “E vocês, pra onde iriam???”, questiona a coalização às dezenas de milhares de seguidores.

Ontem (5), durante o anúncio de projeto de lei do Executivo que permite a exploração de petróleo e gás, além da geração de energia elétrica em terras indígenas, Bolsonaro disse que “o grande passo” depende do Parlamento.“Vão sofrer pressão dos ambientalistas. Esse pessoal do meio ambiente. Se um dia eu puder, eu confino-os na Amazônia, já que eles gostam tanto do meio ambiente, e deixem de atrapalhar os amazônidas aqui de dentro das áreas urbanas.”

O projeto  do Executivo foi protocolado hoje na Câmara.

Em resposta a Bolsonaro, o pessoal do Observatório afirmou que gostaria de ser confinado no arquipélago de Anavilhanas, Alto Rio Negro, Monte Roraima e nas Corredeiras do Tapajós. Sem demora, diversas outras pessoas apresentaram suas sugestões para confinamento.

Confira algumas delas

Leia também

Últimas notícias