MOBILIZAÇÃO

Governo do Paraná é pressionado por mais de 15 mil servidores em protesto

Ato unificado em Curitiba-PR, convocado pelo Fórum das Entidades Sindicais (FES), protesta contra o governo do Estado para que reabra a mesa de negociação

Joka Madruga
Servidores em greve lutam para serem valorizados frente a governo que se mostra impopular

São Paulo – Mais de 15 mil servidores públicos de diversas categorias participaram do ato unificado em Curitiba-PR, convocado pelo Fórum das Entidades Sindicais (FES) nesta segunda-feira (01/07). A greve dos servidores teve início na última terça-feira (25). O funcionalismo reivindica o pagamento de 4,94%, referente a inflação dos últimos 12 meses, mais negociação dos atrasados. Sem reposição desde 2016, as perdas acumuladas passam de 17%.

Os manifestantes reivindicam “que o governo do Estado reabra a mesa de negociação e apresente uma proposta de pagamento”. Professores, funcionários, policiais e profissionais de outras categorias estão com os rendimentos congelados. Há quase quatro anos, especificamente 42 meses, o governo não paga a reposição da inflação”, informa a APP-Sindicato por meio de uma nota.

Confira abaixo algumas fotos do ato feitas pelo repórter fotográfico Joka Madruga, do Terra Sem Males.

Com informações do Terra Sem Males.

Leia também

Últimas notícias