Home Trabalho ‘Reforma’ da Previdência de Bolsonaro já provoca baixas na arrecadação
Era Bolsonaro

‘Reforma’ da Previdência de Bolsonaro já provoca baixas na arrecadação

À Rádio Brasil Atual, trabalhadores afirmam estar “desanimados” para continuar contribuindo com sistema de seguridade social
Publicado por Redação RBA
14:24
Compartilhar:   
Arquivo EBC
Contribuição previdência

“Já desanimo de continuar contribuindo”, diz publicitário após 11 anos pagando a Previdência

São Paulo – Mesmo no início de sua tramitação, a proposta de “reforma” da Previdência do governo de Jair Bolsonaro já desanima trabalhadores continuar contribuindo para o sistema de seguridade social, o que pode acarretar em uma queda de arrecadação. Ao repórter Cosmo Silva, da Rádio Brasil Atual, o publicitário de formação e profissional liberal Felipe Martins analisa que, a partir do modelo proposto, a retirada de direitos distanciará a população do regime previdenciário.

“Trabalhei contribuindo com a Previdência durante 11 anos e hoje, diante dessa proposta, caso aprovada, terei que abrir mão de me aposentar. Já desanimo de continuar contribuindo e também não pretendo fazer uma migração para a previdência privada, que deve ser o interesse dos cabeças dessa reforma”, afirma Martins.

A oferta às instituições financeiras também contestada pelo professor da rede estadual e de ensino privado Vidinei Soares Augustinho. “Quando a gente transfere a capitalização para o sistema de previdência  que gera receita para o Estado e para a seguridade social, saúde e assistência  e coloca esse dinheiro para ser manejado pelos bancos, percebemos o quanto a ideia desse governo é destruir mesmo ou aumentar a miserabilidade dessa população”, explica o docente.

Ouça a reportagem