Você está aqui: Página Inicial / Trabalho / 2012 / 04 / Governo do Distrito Federal promete proposta até 6ª para professores em greve

Governo do Distrito Federal promete proposta até 6ª para professores em greve

por Redação da RBA publicado 11/04/2012 17h13, última modificação 11/04/2012 18h46

São Paulo – Reunião entre representantes dos professores da rede pública do Distrito Federal e do governo distrital, na manhã de hoje (11), terminou com a promessa do Executivo de apresentar proposta à categoria até a sexta-feira (13), quando o Sindicato dos Professores (Sinpro-DF) realiza nova assembleia geral. Os trabalhadores estão em greve há 31 dias.

Segundo nota do Sinpro, os professores fazem vigília na praça do Buriti, em Brasília, desde as primeiras horas do dia e vão permanecer no local até a resolução do impasse. “Se não houver acordo entre as partes, a categoria promete acampar em frente ao Buriti por tempo indeterminado para pressionar o governo a acatar as reivindicações.”

Declaração do governador Agnelo Queiroz de que o movimento seria “indecente” e “imoral” acirrou os ânimos e aumentou a adesão ao movimento, informou o sindicato.

Os professores pedem aplicação aos salários da mesma variação do Fundo Constitucional transferido pela União ao Distrito Federal, como ocorreu em 2009 e 2010, quando os percentuais de variação do fundo – 1,06% e 11,14%, respectivamente – foram repassados. Em 2011, a variação de 13,83% foi repassada aos salários em três parcelas, mas o governo sinalizou com mudanças com o pretexto de que corre o risco de violar a Lei de Responsabilidade Fiscal, e não apontou proposta de reajuste.

registrado em: , , ,