Você está aqui: Página Inicial / Trabalho / 2009 / 11 / Centrais reúnem-se com Lula nesta 5ª

Centrais reúnem-se com Lula nesta 5ª

Sindicalistas vão pressionar governo por uma política de valorização do salário mínimo e de reajuste das aposentadorias
por suzanavier publicado 12/11/2009 18h04, última modificação 12/11/2009 18h09
Sindicalistas vão pressionar governo por uma política de valorização do salário mínimo e de reajuste das aposentadorias

Um dia depois da 6ª Marcha da Classe Trabalhadora com a participação de mais de 50 mil pessoas, as centrais sindicais reúnem-se com o presidente Lula, às 18 horas desta quinta-feira (12).

De acordo com o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Artur Henrique dos Santos Silva, o objetivo da reunião é entregar ao presidente Lula a pauta de reivindicações da classe trabalhadora e discutir a política de valorização do salário mínimo e das aposentadorias.

As centrais vão cobrar o acordo firmado com o governo, em agosto, que prevê a criação de uma política de valorização do salário mínimo até 2023 e o reajuste das aposentadorias de quem ganha acima do mínimo.

Pelo acordo, o salário mínimo passaria a ser reajustado com base na soma da inflação acumulada com o PIB cheio de dois anos anteriores. Já a aposentadoria de quem ganha mais de um salário mínimo teria reajuste com base na reposição da inflação mais ganho real de 2,5%, o equivalente à metade do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2008.

O acordo também prevê o fim do fator previdenciário com a adoção de uma nova fórmula para as aposentadorias com base na fórmula "95/85". Homens poderiam se aposentar quando a soma da idade e do tempo de contribuição for 95 e, para as mulheres, 85.