Sinal amarelo

Brasil ultrapassa 130 mil mortos e vê número de casos de covid-19 crescer

Brasil chega a 130.396 mortos por covid-19. Número de novos doentes em 24 horas volta a passar de 40 mil, e indica possibilidade de retomada da pandemia

©JPMonteiro-OECE
O Brasil foi o país que permaneceu por mais tempo como epicentro da doença no mundo, 12 semanas

São Paulo – Pouco mais de seis meses depois do início da pandemia, em março, o Brasil ultrapassou hoje (11) 130 mil mortos por covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. Nas últimas 24 horas, foram mais 874 vítimas, totalizando 130.396 mortos pela infecção. As informações foram atualizadas no início da noite, pelo Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass).

Números da pandemia no Brasil, divulgados nesta sexta-feira pelo Conass

Já o número de doentes chegou a 4.282.164, com acréscimo de 43.718 no último período, o maior número desde o dia 4 de setembro. Nos últimos dias, o número de novos doentes apresenta crescimento em relação aos registrados a partir de meados de julho. Aliado às grandes aglomerações ocorridas especialmente no feriado de 7 de setembro, cresce a expectativa de uma possível retomada da pandemia, que será verificada a partir do fim da próxima semana, se confirmada.

Tendências

Na última semana o Brasil confirmou uma tendência que vem se apresentando nas últimas duas semanas de leve regressão na curva de mortos por covid-19. Até então, por 12 semanas consecutivas, o país manteve média de vítimas acima de mil diárias, o que foi reduzido para cerca de 800 nos últimos dois períodos.

O Brasil foi o país que permaneceu por mais tempo como epicentro da doença no mundo. Isso tem relação com a ausência de políticas públicas de controle do vírus, a partir do descaso do governo federal, do presidente Jair Bolsonaro, com a covid-19. Desde o início, o político desdenhou do vírus e contraria a ciência.

Nesta semana, o Brasil foi ultrapassado pela Índia em número de casos, embora tenha quase o dobro de mortos. A média diária de mortos do país asiático vem apresentando tendência de crescimento, e superou as mil diárias no último período. A Índia tem 4.657.334 casos e 77.056 mortos. Um fator relevante é o tamanho da população do país, de 1,3 bilhão de habitantes, mais de seis vezes maior que a do Brasil.

Estados brasileiros mais afetados pelo vírus