Investigação

Próximos dias serão fundamentais para saber impacto do coronavírus

Infectologista diz que só após avaliar os primeiros casos de contaminação fora da China será possível medir alcance global da epidemia

reprodução
Bacha: "Essa dimensão do quanto é esse problema na China e quanto é no mundo nós vamos saber nos próximos dias"

São Paulo – O Planeta Azul entrevistou o infectologista do Hospital Albert Einstein e consultor técnico da Sociedade Brasileira de Infectologia, Hélio Bacha. Ele explica como surgiu o coronavírus, quais seus sintomas e os riscos de a epidemia chegar ao Brasil.

“Essa dimensão do quanto é esse problema na China e quanto é no mundo nós vamos saber nos próximos dias porque agora nós tivemos os primeiros casos fora da China”, afirma o infectologista, referindo-se aos primeiros casos de transmissão pessoa a pessoa no Japão e na Alemanha.

“Fora da China, nós não sabemos ainda esse comportamento. Há toda uma expectativa, se cada pessoa infectada transmite para três outras, ou cinco outras, mas isso nós não temos ainda medido na dinâmica epidemiológica necessária para ter certeza do que acontece”, afirma Bacha, em entrevista ao jornalista Rodolpho Gamberini.

Confira a entrevista de Hélio Bacha ao canal Planeta Azul

Leia também

Últimas notícias