Interior paulista

Saadi (Republicanos) vence a eleição em Campinas com 57%

Prefeito eleito é médico e foi vereador por quatro mandatos

Reprodução
Dário Saadi já havia vencido no primeiro turno e confirmou vantagem

São Paulo – O ex-vereador Dário Saadi (Republicanos) elegeu-se prefeito de Campinas, no interior paulista. Com a apuração concluída, ele recebeu 222.030 votos (57,07% dos votos), ante 166.995 (42,93%) do deputado estadual Rafa Zimbaldi (PL).

Saadi, 57 anos, nasceu em Pedregulho. É a terra natal do ex-prefeito campineiro e ex-governador paulista Orestes Quércia, cacique do MDB/PMDB, que morreu há 10 anos. A coligação do prefeito eleito inclui DEM, MDB, PSB (partido do vice, Wandão de Almeida) e PSL. Médico urologista formado na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Campinas, além de vereador por quatro mandatos (chegou à presidência da Câmara) ele foi secretário de Esportes e Lazer na atual gestão.

No primeiro turno, dia 15, Saadi havia recebido 121.932 votos (25,78%) e seu oponente, 103.397 (21,86%). Próximo dos dois, o petista Pedro Tourinho ficou em terceiro, com 96.905 (20,49%). A abstenção atingiu 30,84% (260.149 ausentes). Neste segundo turno, subiu para 35,25% (297.297), com 8,34% de votos em branco e 20,43% de nulos.