Eleições no nordeste

Em Fortaleza e Recife, candidaturas femininas consolidam crescimento

Luizianne Lins (PT) e Marília Arraes (PT) se aproximam do segundo turno nas eleições para as prefeituras das duas maiores cidades nordestinas

divulgação
Luizianne Lins e Marília Arraes seguem fortes na disputa eleitoral por Fortaleza e Recife, respectivamente

São Paulo – Nas duas maiores cidades do Nordeste, candidaturas femininas nestas eleições ganham força. Em Recife, pesquisa Ibope divulgada hoje (15) aponta para liderança de João Campos (PSB), com 33% das intenções de voto. Na sequência aparecem, em empate técnico, Mendonça Filho (DEM), com 18% e Marília Arraes (PT), com 14%.

Em Fortaleza, o instituto divulgou pesquisa ontem e aponta empate técnico na liderança. Capitão Wagner (Pros) tem 28% das intenções, seguido por Luizianne Lins (PT), com 23%. Na sequência vêm Sarto (PDT), com 16% e Heitor Férrer (SD), com 6%. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos em ambas as pesquisas.

O cenário na capital pernambucana é de avanço de João Campos. O herdeiro de Eduardo Campos partiu de 23% das intenções no dia 2 de outubro para 33% hoje. Mendonça Filho observou breve recuo de 1% e Marília Arraes se manteve no mesmo patamar da pesquisa anterior.

Campos e Mendonça Filho também têm os maiores percentuais de rejeição, com 28% dos entrevistados afirmando que não votariam neles. Marília Arraes é rejeitada por 19% dos recifenses. Em Fortaleza, Luizianne tem 36% de rejeição e Capitão Wagner, 33%. Sarto tem 17%.