nova versão

Livro-entrevista com Lula ‘é o depoimento mais aberto que ele já deu’

"A Verdade Vencerá", que será relançado hoje, foi atualizado com entrevistas, fotos e cartas do ex-presidente após sua prisão

Boitempo
A reedição traz 12 novas perguntas, feitas pelos mesmos entrevistadores, e respondidas por Lula, por escrito. Nelas, o ex-presidente relata o período em que permaneceu como preso político na capital paranaense

São Paulo –  A nova edição do livro A Verdade Vencerá: O Povo Sabe por que me Condenam será lançada nesta terça-feira (10) e é “o depoimento mais aberto que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já deu”. Nas palavras da editora e fundadora da Boitempo Editorial, Ivana Jinkings, o título do livro-entrevista está se concretizando.

A primeira tiragem é considerada um sucesso pela Boitempo, com 30 mil exemplares vendidos e  traduzido para outros países, como Argentina, Espanha, Itália, Estados Unidos e França. A nova versão, que será lançada hoje na Quadra dos Bancários, centro de São Paulo, com a presença de Lula, terá sua cronologia atualizada, após os 580 dias da prisão do líder político em Curitiba.

A reedição trará 12 novas perguntas feitas pelos jornalistas Juca Kfouri e Maria Inês Nassif, o professor de Relações Internacionais Gilberto Maringoni e Ivana Jinkings, os mesmos entrevistadores da edição anterior. As questões foram respondidas por Lula, por escrito, e relatam o período em que permaneceu como preso político na capital paranaense. Lula comenta, ainda, sobre o governo Jair Bolsonaro, a Venezuela, sua condição pessoal e sua relação com o povo brasileiro.

“Ela está atualizada com uma nova sessão de perguntas que fizemos ao ex-presidente enquanto estava preso. A gente incluiu também o último discurso antes de ser preso e o primeiro, após ser solto, no Sindicato dos Metalúrgicos. Também há uma carta enviada por ele, ao Salão do Livro Político, no ano passado. A gente fez uma cronologia atualizada até a soltura dele, acrescentando também um caderno com novas fotos da prisão dele, de visitantes na Polícia Federal até o discurso após sua liberdade”, contou Ivana, em entrevista à Rádio Brasil Atual.

Na avaliação da editora, com o ex-presidente cheio de força e as denúncias publicadas pela Vaza Jato, o livro ganha um impacto maior, e o título ‘A Verdade Vencerá’ está se concretizando. “A entrevista não fala só sobre o processo, trata dos governos petistas e o golpe da Dilma. Foram três dias de entrevistas, na qual ele não se furta a nenhuma resposta, reconhecendo algumas falhas do governo, como a regulamentação da mídia. É o depoimento mais aberto que ele já deu”, explicou.

Ouça a entrevista completa