Home Política Lula recebe carta solidária do Papa Francisco: ‘A verdade vencerá a mentira’
histórico

Lula recebe carta solidária do Papa Francisco: ‘A verdade vencerá a mentira’

O sumo pontífice respondeu ao ex-presidente, que havia escrito em março. O tom das mensagens é de amizade, respeito e solidariedade. 'Inegavelmente, trata-se de dois dos maiores líderes do século 21'
Publicado por Gabriel Valery, da RBA
15:16
Compartilhar:   

'Não desanimar e continuar confiando em Deus', disse o Papa

São Paulo – O Papa Francisco enviou carta ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na qual afirma que o bem vencerá o mal. A mensagem, divulgada na manhã de hoje (29), é resultado de uma conversa entre os dois. No ano passado, Lula recebera um rosário abençoado do Vaticano. Em agradecimento, redigiu carta para Francisco em março.

No diálogo entre os líderes, o ex-presidente agradeceu ao Papa por sua dedicação na defesa da justiça social e dos mais pobres. Francisco, que é argentino, manifestou sua solidariedade com Lula, que está preso na Polícia Federal de Curitiba desde abril do ano passado. Prisão considerada por Lula ele e seus correligionários, intelectuais e artistas como fruto de motivações políticas.

“O bem vencerá o mal, a verdade vencerá a mentira e a salvação vencerá a condenação”, escreveu o Papa, que aproveitou para agradecer a análise de conjuntura política feita por Lula em sua carta. “Recebi sua atenciosa carta do passado 29 de março, com a qual (…) me confidenciava o seu estado de ânimo e comunicava a sua avaliação sobre o atual contexto sócio-político brasileiro, o que me será de grande utilidade.”

Ao afirmar que Lula estaria em suas orações, Francisco ainda mostrou compaixão com as recentes perdas pessoais de Lula. “Tendo presente as duras provas que o senhor viveu ultimamente, especialmente a perda de alguns entes queridos – sua esposa Marisa Letícia, seu irmão Genival Inácio e, mais recentemente, seu neto Arthur de somente 7 anos – quero lhe manifestar minha proximidade espiritual e lhe encorajar pedindo para não desanimar e continuar confiando em Deus.”

Repercussão

A mídia comercial trata do tema até o momento com discrição. Mesmo assim, a mensagem de empatia foi recebida com emoção por muitos brasileiros, que tornaram o assunto o mais comentado nas redes sociais desta manhã. O vereador paulistano Eduardo Suplicy (PT) disse que foi um “bonito gesto do Papa ao enviar a carta”. “Rezemos juntos pelo Papa Francisco e para que Lula logo possa ser inocentado e estar livre”, acrescentou.

Já o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP) descreveu o momento como “emocionante”. “Na carta, o pontífice pede para que o presidente ore por ele, além de afirmar que a análise de Lula sobre o contexto sócio-político brasileiro será de grande utilidade. Sábias palavras.”

O educador Daniel Cara, por sua vez, fez uma breve análise da representatividade do documento. “Não importa em qual posição você está no espectro político, mas é inegável que essa tem sido uma correspondência histórica: ato mais recente – carta do Papa Francisco a Lula. Inegavelmente, trata-se de dois dos maiores líderes do século 21”.

registrado em: , ,