Home Política Procuradores se retiram de congresso em protesto à presença de Moro
contra a seletividade

Procuradores se retiram de congresso em protesto à presença de Moro

Evento realizado ontem foi marcado pela ação dos procuradores, que também assinaram nota em repúdio à presença do juiz acusado de tomar posturas políticas nos processos da Operação Lava Jato
Publicado por Redação RBA
20:51
Compartilhar:   
divulgação
sergio_moro na anpm.jpg

Moro é visto ‘como um ator mais político que técnico. É alguém que, na qualidade de juiz, se coloca como rival dos acusados’

São Paulo – Um grupo de procuradores municipais se retirou na noite de ontem (22) de congresso da categoria, realizado em Curitiba, em protesto contra a presença do juiz federal Sérgio Moro, da Operação Lava Jato. Moro era o último a discursar, e os procuradores se retiraram quando ele começou a falar. Outros procuradores apoiaram a manifestação, mas permaneceram no congresso.

Uma nota em repúdio à presença de Moro no evento foi assinada por 72 procuradores. A nota foi endereçada ao presidente da Associação Nacional dos Procuradores Municipais (ANPM), Carlos Mourão. “Levando em conta a conjuntura política do presente momento, sobretudo o contexto da Operação Lava-Jato, vislumbramos que o convite a Sergio Moro representa alguns inconvenientes, na medida em que o convidado é visto como um ator mais político que técnico. É alguém que, na qualidade de juiz, se coloca como rival dos acusados, assumindo explícita parcialidade”, afirma a nota.

Confira a íntegra do documento:

Conteúdo
ArquivoNota da Associação Nacional de Procuradores Municipais