Home Política Segundo turno terá candidatos apoiados por tucanos, Cunha e Temer
Presidência da Câmara

Segundo turno terá candidatos apoiados por tucanos, Cunha e Temer

Rodrigo Rosso (PSD-DF), com 120 votos, e Rodrigo Maia (DEM-RJ), com 106, vão para a disputa que começa daqui a pouco. Esquerda fica sem estratégia e se divide
Publicado por Redação RBA
22:24
Compartilhar:   
Luís Macedo/Câmara dos Deputados
camara.jpg

Rogério Rosso (PSD-DF), apoiado por Cunha e por Temer, comemora passagem ao segundo turno

Brasília – Rodrigo Maia (DEM-RJ), com 120 votos, e Rogério Rosso (PSD-DF), com 106 votos, disputarão o segundo turno da eleição para presidente da Câmara, em vaga aberta com a renúncia do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) da presidência. Maia foi apoiado oficialmente pelo PSDB. Rosso era o preferido de Eduardo Cunha e Michel Temer, apesar de o PMDB ter oficialmente lançado o nome do ex-ministro da Saúde Marcelo Castro (PMDB-PI), que acabou com apenas 70 votos, provavelmente com mais votos de petistas do que de peemedebistas

Luiza Erundina (Psol-SP) e Orlando Silva (PCdoB) foram os únicos candidatos de oposição ao governo interino e tiveram 22 e 16 votos, respectivamente.

No segundo turno, será eleito o candidato que obtiver maioria simples. A nova votação ocorrerá a partir das 22h50, uma hora depois do encerramento da primeira votação, conforme o regimento.

Confira os votos dos demais candidatos:

Giacobo (PR-PR): 59
Esperidião Amin (PP-SC): 36
Fábio Ramalho (PMDB-MG): 18
Cristiane Brasil (PTB-RJ): 13
Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO): 13
Carlos Manato (SD-ES): 10
Miro Teixeira (Rede-RJ): 6
Evair Vieira de Melo (PV-ES): 5

Não houve votos em branco.

Com informações da Agência Câmara