Você está aqui: Página Inicial / Política / 2016 / 05 / Depois de disputa com PSDB, petista José Guimarães assume liderança da minoria

câmara dos deputados

Depois de disputa com PSDB, petista José Guimarães assume liderança da minoria

por Agência Câmara publicado 19/05/2016 15h43
Nilson Bastian/Câmara dos Deputados
guimas.jpg

“Não pode governo e minoria ter o mesmo lado, pela decência na condução política”, disse Guimarães

Brasília – Ex-líder do governo, o deputado José Guimarães (PT-CE) foi oficializado ontem (18) como líder da minoria na Câmara dos Deputados. O cargo estava em disputa entre PT e PSDB depois que o vice Michel Temer assumiu interinamente a Presidência da República. A minoria é o maior partido que, em relação ao governo, expresse posição diferente da maioria. Era ocupada até então pelo PSDB, maior legenda de oposição ao governo Dilma Rousseff.

A mudança foi feita depois de muito debate e da cobrança de Guimarães. Ao conceder a minoria para o PT, seria mantido o equilíbrio de forças previsto no Regimento, já que o PSDB agora é parte da base governista. Além disso, com a nomeação do novo líder do governo Temer, governo e minoria eram favoráveis ao Planalto. “Não pode governo e minoria ter o mesmo lado, pela decência na condução política”, disse Guimarães.

A definição sobre o cargo já tinha gerado embate na sessão de terça-feira (17), depois da fala do então líder da minoria, deputado Miguel Haddad (PSDB-SP). Para o deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), os tucanos deveriam continuar à frente da minoria durante a interinidade do governo Temer. “É evidente que não se vai desfazer da liderança da minoria por um afastamento provisório”, disse.

A deputada Moema Gramacho (PT-BA) protestou contra esse entendimento do PSDB.

registrado em: ,