Você está aqui: Página Inicial / Política / 2012 / 10 / Serra chama Haddad de 'delinquente'; para petistas, tucano mostra desespero

Serra chama Haddad de 'delinquente'; para petistas, tucano mostra desespero

Faixas com os dizeres 'Serra Nunca Mais!' irritaram candidato do PSDB; petista aponta tentativa de manipulação eleitoral
por Redação da RBA publicado , última modificação 26/10/2012 17h07
Faixas com os dizeres 'Serra Nunca Mais!' irritaram candidato do PSDB; petista aponta tentativa de manipulação eleitoral

Faixa colocada em passarela provou 'repúdio veemente' da campanha de Serra; PT lamenta "incorrigível baixo nível" (Foto: Reprodução)

São Paulo – A coordenação de campanha do candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, José Serra, divulgou hoje (26) nota em que chama o adversário petista de “delinquente” e o acusa de usar recursos “ilegais”. A nota acusa a “campanha do PT” de ter espalhado faixas pela cidade com os dizeres “Serra Nunca Mais!”. A eleição será realizada no domingo (28). Segundo as pesquisas de intenção de voto, Haddad lidera a disputa com uma diferença que varia de 17 a 20 pontos percentuais sobre o tucano, considerados os votos válidos..

A campanha do candidato petista divulgou nota à qual contesta as acusações dos tucanos, afirmando que não produziu "faixas apócrifas nem usa recursos ilegais". Para a coordenação de Haddad, o PSDB faz uma nova tentativa de "manipulação ou armação eleitoral", na antevéspera do segundo turno. Isso demonstra, afirma a coordenação, "o incorrigível baixo nível, o reiterado desrespeito e o crescente desespero do candidato José Serra".

Leia abaixo as duas notas.

 

Nota oficial - PSDB

A campanha do PT coloca em São Paulo faixas agressivas ao candidato José Serra. O cinismo do PT prega na TV uma campanha sem ataques, mas utiliza material sem nome da coligação e sem CNPJ. Os recursos desses materiais, seguramente, não são legais.

É um desrespeito à cidade. Quem quer ser prefeito de São Paulo não pode se apresentar como um delinquente que não respeita as leis municipais que conservam a cidade limpa.

A campanha de José Serra repudia veementemente tal atitude.

Coordenação da Campanha


Nota oficial - PT

A campanha do PT não produziu faixas apócrifas nem usa recursos ilegais, conforme acusa, sem provas, a coordenação da campanha tucana, em nova tentativa de manipulação ou armação eleitoral, a dois dias do segundo turno.

Chamar o adversário político de "delinquente", como foi feito pela campanha do PSDB, é uma atitude que comprova o incorrigível baixo nível, o reiterado desrespeito e o crescente desespero do candidato José Serra.

Esse comportamento já foi evidenciado no noticiário de hoje, que demonstrou que a divulgação de falsos boatos de cancelamento do Enem 2012 foi uma estratégia eleitoral criminosa ligada a tucanos e já está sob apuração da Polícia Federal.

Estamos solicitando que a Polícia Federal apure com urgência a origem das faixas mencionadas pelo PSDB. O eleitor de São Paulo sabe quem tem feito uma campanha de mentiras e boatos.