Home Política Julgamento do registro do PSD será retomado nesta terça

Julgamento do registro do PSD será retomado nesta terça

Possível líder da legenda diz já ter comprado caixa de charutos para comemorar
Publicado por Redação da RBA
15:37
Compartilhar:   

São Paulo – O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma nesta terça-feira (27) o julgamento do pedido de registro do Partido Social Democrático (PSD). A discussão foi interrompida na última quinta-feira (22), por um pedido de vistas do ministro Marcelo Ribeiro. O provável líder do partido na Câmara, deputado Guilherme Campos (egresso do DEM-SP), declarou que lideranças já teriam comprado “uma caixa de charutos” para comemorar uma decisão favorável.

Segundo ele, em entrevista ao Terra Magazine, a expectativa é positiva para a retomada do julgamento. Ele admite “apreensão e ansiedade” diante da indefinição, mas acredita que tudo será contornado com a confirmação do nascimento formal do PSD.

O partido articulado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (também saído do DEM), conta com apoio de 44 deputados e dois senadores, além dos governadores de Santa Catarina, Raimundo Colombo, e do Amazonas, Omar Azis, e do vice de São Paulo, Guilherme Afif Domingos.

A questão central é se a Justiça Eleitoral deve aceitar certidões de cartórios eleitorais que contêm as assinaturas de apoio à criação do partido sem que elas tenham sido analisadas por tribunais regionais eleitorais de cada estado. A relatora, Nancy Andrighi, defendeu a liberação do registro, seguida pelo ministro Teori Zavascki. Sem reconhecer as certidões, o PSD teria alcançado o número mínimo de assinaturas exigido por lei.

Faltam ainda os votos de cinco ministros. Enquanto o presidente da corte, Ricardo Lewandowski, indicou que será favorável à liberação do registro, o ministro Marco Aurélio Mello deu sinais de que será contrário. Além de Zavascki, Arnaldo Versiani e Cármen Lúcia também irão votar.

Com informações da Agência Brasil

registrado em: , , ,