Você está aqui: Página Inicial / Política / 2010 / 11 / Dilma passa a manhã avaliando área de transportes do PAC

Dilma passa a manhã avaliando área de transportes do PAC

por Luciana Lima, da Agência Brasil publicado , última modificação 16/11/2010 15h35

Palocci, integrante da equipe de transição de governo, ao chegar ao CCBB, onde funciona o escritório da presidente eleita (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

Brasília – A presidenta eleita Dilma Rousseff deu início nesta terça-feira (16) de manhã à série de reuniões que fará sobre temas de infraestrutura e avaliação do andamento das obras do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC). A primeira reunião, sobre transportes, foi na Granja do Torto, onde a presidente eleita está morando desde a segunda (15).

Participaram da reunião a coordenadora do programa, Miriam Belchior, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, o deputado Antonio Palocci (PT-SP), um dos coordenadores da equipe de transição, além da assessora de imprensa, Helena Chagas.

De acordo com Helena Chagas, a reunião serviu para informar a presidente eleita sobre o andamento das obras do PAC na área de transportes. Segundo a jornalista, Dilma fará outras reuniões para se atualizar sobre as demais áreas do programa.

Hoje, Dilma deve passar todo o dia na Granja do Torto. Enquanto isso, os coordenadores da equipe de transição, o vice-presidente eleito e presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP), Palocci, o presidente do PT, José Eduardo Dutra, e o deputado José Eduardo Cardoso (PT-SP) se reúnem no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB).

No domingo (14) à noite, Dilma recebeu do presidente do PT um relato sobre as expectativas de cada partido aliado sobre a participação no governo. Dutra conversou com as lideranças das dez legendas que fizeram parte da base que elegeu Dilma, além do PP, que formalmente não fez parte da coligação, mas declarou apoio informal à então candidata na esfera nacional.

Além dos 11 partidos, Dutra sinalizou que falará com o PTB, partido que participou da coligação que apoiou o candidato derrotado do PSDB José Serra, mas que no Congresso, faz parte da base de apoio ao governo.

Fonte: Agência Brasil