Você está aqui: Página Inicial / Política / 2010 / 10 / Pernambuco lidera ranking de crime eleitoral no Brasil

Pernambuco lidera ranking de crime eleitoral no Brasil

Estado registra 44 prisões até as 14h deste domingo. Em todo o país, foram 368 detenções
por Fábio Jammal, especial para a Rede Brasil Atual publicado , última modificação 03/10/2010 17h39
Estado registra 44 prisões até as 14h deste domingo. Em todo o país, foram 368 detenções

Recife - Pernambuco é o estado com o maior número de pessoas presas por crimes eleitorais neste domingo (3) de eleição. Até 14h, foram 44 detenções, segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

No país, 368 pessoas já foram presas por crimes eleitorais. O Espírito Santo vem em segundo, com 42. Entre os principais motivos das prisões estão a boca de urna e compra de votos. Ao todo, o TSE registrou 963 ocorrências no país. Os candidatos presos até as 14h foram 26 no país.

Conforme o balanço, divulgado pelo ministro Arnaldo Versiani, do TSE, 199 pessoas foram presas por boca de urna, 97 por divulgação de propaganda, 25 por transporte ilegal de eleitores, 3 por fornecimento ilegal de alimentação, 22 por compra de votos e 22 por outros motivos.