Você está aqui: Página Inicial / Política / 2010 / 09 / "Cadê esse tal de sigilo que não apareceu até agora?", questiona Lula em Guarulhos

"Cadê esse tal de sigilo que não apareceu até agora?", questiona Lula em Guarulhos

Presidente participou de comício pró Dilma e pediu votos para Mercadante, Marta e Netinho
por jessicasouza publicado , última modificação 04/09/2010 15h53
Presidente participou de comício pró Dilma e pediu votos para Mercadante, Marta e Netinho

Lula participa de comício com Mercadante (Foto: Cesar Ogata)

São Paulo - O presidente Lula afirmou neste sábado (4) que a oposição está baixando o
nível da campanha. A declaração foi feita em Guarulhos, em comício de Dilma e do candidato do PT ao governo de São Paulo, Aloízio Mercadante.

"Mentira tem perna curta... quando as pessoas começam a mentir descaradamente, quando começam a procurar alguém para responsabilizar pelo seu fracasso, aí a coisa não fica bem," afirmou Lula.

O presidente declarou que a oposição está com raiva e perguntou sobre a materialização dos sigilos violados de pessoas ligadas ao candidato do PSDB, José Serra. "Ninguém precisa tentar transformar a família em vítima. Cadê esse tal de sigilo que não apareceu até agora? Cadê? Cadê o vazamento das informações?," questionou se referindo ao episódio envolvendo Verônica Serra, filha do tucano.

A candidata do PT e líder isolada nas pesquisas, Dilma Rousseff, ficou no Rio Grande do Sul para acompanhar o nascimento de seu neto e foi representada no comício por seu vice Michel Temer (PMDB). Lula pediu votos para sua candidata e também para votos para Aloizio Mercadante, candidato ao governo de São Paulo, e para Marta Suplicy e Netinho (PCdoB), que concorrem ao Senado.

Durante toda a semana a oposição tentou envolver o PT e a candidata na história da quebra de sigilo de Verônica Serra. O PSDB, pediu pela cassação da candidatura da petista, o que foi negado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

“Próprio de quem não sabe nadar: cair na água e ficar se batendo até morrer afogado. É o que está acontecendo com o nosso adversário”, disse Lula sem citar o nome de José Serra.

Neste sábado, o diretório estadual do PT divulgou nota em que afirma que o contador Atella, que está sendo acusado de receber as informações fiscais de Verônica, nunca foi membro do partido e nem atuou nas decisões partidárias. Houve um erro de digitação em sua ficha de inscrição e por isso sua filiação nunca foi efetivada. Diz a nota:

“Ele nunca participou de qualquer órgão de direção partidária, nem de qualquer evento, seminário, reunião ou atividade promovida pelo Diretório, não tendo nunca cumprido quaisquer obrigações estatutárias estabelecidas para os nossos filiados, nem mesmo sequer comparecido para votar em quaisquer dos nossos processos eleitorais internos.”

Com informações da Reuters