Você está aqui: Página Inicial / Política / 2009 / 06 / Trem de alta velocidade deve ficar pronto para Copa de 2014, diz ministra

Trem de alta velocidade deve ficar pronto para Copa de 2014, diz ministra

A ministra informou ainda que a construção e reforma de estádios para a Copa de 2014 não será de responsabilidade do governo
por Yara Aquino publicado , última modificação 03/06/2009 17h10
A ministra informou ainda que a construção e reforma de estádios para a Copa de 2014 não será de responsabilidade do governo

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff e o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, conversam durante a apresentação do sétimo balanço do PAC (Foto: Roosewelt Pinheiro/ABr)

Brasília - O trem-bala que ligará as cidades do Rio de Janeiro e de São Paulo deve ficar pronto para a Copa de 2014. A informação é da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, que apresentou nesta quarta-feira (3) o sétimo balanço do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

“Nossa ideia é que o trem de alta velocidade fique integralmente pronto em 2014, ou pelo menos a ligação entre o Rio de Janeiro e São Paulo. Isso é uma questão importante porque esse meio de transporte vai ser extremamente facilitador numa região que é muito importante na movimentação da Copa”, disse.

 

Dilma explicou que o governo não está apresentando o projeto fechado para o investidor para que este tenha mobilidade na construção do empreendimento. “Não estamos apresentando o pacote fechado para o investidor. Vamos deixar que ele busque a melhor solução, a mais eficiente, mais rápida, mais de acordo com a tecnologia que ganhar.”

A ministra informou ainda que a construção e reforma de estádios para a Copa de 2014 não será de responsabilidade do governo. Segundo ela, o pactuado com a Federação Internacional de Futebol (Fifa) é que essas obras sejam executadas com recursos privados, cabendo ao governo a avaliação de mobilidade urbana e de aeroportos. “Até para deixar um legado da Copa”, disse Dilma.

Fonte: Agência Brasil