Você está aqui: Página Inicial / Mundo / 2012 / 11 / Preso desde 2007, ex-ditador uruguaio será transferido para contêiner

Preso desde 2007, ex-ditador uruguaio será transferido para contêiner

Segundo a imprensa local, Gregorio Álvarez solicitou a mudança por mau relacionamento com outros presos
por OperaMundi publicado , última modificação 30/11/2012 18h43
Segundo a imprensa local, Gregorio Álvarez solicitou a mudança por mau relacionamento com outros presos

O ex-ditador uruguaio Gregorio Álvarez, que governou o país entre 1981 e 1985 e está preso desde 2007, será transferido para um contêiner devido ao seu mau relacionamento com outros detentos. Segundo o diretor do Instituto Nacional de Reabilitação, Luis Mendoza, a mudança foi requisitada pelo próprio Álvarez. A transferência deverá ser realizada quando ele receber alta do Hospital Militar, onde está internado por problemas de visão.

De acordo com o jornal El Pais, a relação deteriorada entre o ex-ditador e os outros presos é decorrente da avançada idade de muitos deles. A diferença de patente entre os 16 detentos militares que estão na penitenciária de Domingo Arena também tem sido origem de conflitos entre eles.

Hoje (30), em entrevista à rádio Montecarlo, Álvarez negou ter pedido para mudar de prisão e afirmou que “não sabe o que é um contêiner”. Considerado peça-chave no golpe de Estado de 1973, o ex-ditador de 88 anos sofre de demência senil.

Os contêineres em que ficam parte dos presos uruguaios são alugados pelo Ministério do Interior e possuem ar condicionado, cama, banheiro e escritório. No caso de Álvarez, será reservado um local especial para o recebimento de visitas.