Você está aqui: Página Inicial / Mundo / 2011 / 11 / Japão identifica arroz contaminado por radiação em três fazendas

Japão identifica arroz contaminado por radiação em três fazendas

por Renata Giraldi*, da Agência Brasil publicado , última modificação 29/11/2011 09h29

Brasília – As autoridades japonesas identificaram que a produção de arroz em três fazendas da região de Fukushima, no Nordeste do país, está contaminada com césio. A região foi atingida em março por uma série de explosões e vazamentos radioativos oriundos da Usina Nuclear de Fukushima Daiichi. Desde então, a área em volta da usina – que envolve nove cidades – está em alerta.

Os funcionários da prefeitura de Fukushima coletaram amostras das três fazendas e observaram que havia césio acima do limite de segurança do governo. Segundo os funcionários, 9 quilos desse arroz foram vendidos para consumidores japoneses. As autoridades agora tentam descobrir que comprou,  para recolher o material e não permitir o consumo.

Em decorrência dessa descoberta, os funcionários da prefeitura de Fukushima decidiram ampliar a área de exame para identificar contaminação. A ideia é expandir as análises para mais 2.300 fazendas em municípios próximos, nos quais há riscos de radiação.

As ameaças de contaminação radioativa no Japão surgiram a partir de 11 de março deste ano, quando houve um terremoto de 8,9 graus na escala Richter, seguido por tsunami, que gerou falhas nos reatores da usina de Fukushima, provocando uma série de acidentes nucleares.

Por precaução, o governo ordenou o esvaziamento das principais áreas em volta da usina e a proibição da produção e consumo de alimentos da região.

*Com informações da emissora estatal de televisão do Japão, NHK/

 

registrado em: , ,