crítica internacional

Le Pen: ‘Bolsonaro diz coisas desagradáveis’

Candidata de extrema-direita, derrotada nas eleições francesas em 2017, foi questionada sobre a ascensão do candidato do PSL no Brasil

Rémi Noyon/Flickr
Marine Le Pen

Le Pen disse que Bolsonaro só cresceu por basear sua campanha no tema da segurança e contra a corrupção

São Paulo – Marine Le Pen, líder da extrema-direita na França, criticou nesta quinta-feira (11), o candidato a presidente da República Jair Bolsonaro (PSL), afirmando que ele diz coisas “extremamente desagradáveis” e que são “intransponíveis” em seu país.

A candidata derrotada nas eleições francesas, em 2017, foi questionada no canal France 2 sobre a ascensão do presidenciável da extrema-direita no Brasil. Ela disse que o candidato do PSL só cresceu por basear sua campanha no tema da segurança e contra a corrupção. “Certamente ele tem dito coisas que são extremamente desagradáveis, que não podem ser transferidas para nosso país, é uma cultura diferente”, afirmou Le Pen.

Le Pen também usou a entrevista para reforçar a distância em relação ao candidato do PSL. “Desde que um candidato fala coisas desagradáveis, na França ele é catalogado de extrema direita”, acrescentou ela, que está em campanha para as eleições do Parlamento Europeu, marcadas para maio de 2019.