são paulo

Centro Paula Souza contesta dados sobre investimento na escolas técnicas

Em resposta a reportagem da RBA, instituição diz que escolas técnicas deixaram de receber 30% do previsto e faculdades de tecnologia, 42%

Danilo Ramos/ RBA
Greve nas etecs

Em 2014, estudantes e professores de Etecs e Fatecs entraram em greve por melhor infraestrutura

São Paulo – O Centro Paula Souza, autarquia responsável pelas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs), contestou hoje (7) matéria publicada terça-feira (5) pela RBA denunciando redução de investimentos do governo de São Paulo na construção de novas Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) as Faculdade de Tecnologia (Fatecs) em 2015 e na compra de equipamentos.

O texto “Governo Alckmin reduz em 78% orçamento aplicado em escolas técnicas de São Paulo”, elaborada a partir de dados do Sistema de Informações Gerenciais da Execução Orçamentária (Sigeo) de 30 de março, obtidos pela reportagem, mostrou que o governo paulista deixou de investir 78,24% do orçamento previsto na expansão das Etecs e 62,13% nas Fatecs.

O orçamento total do Centro Paula Souza reduziu 10,57% no último ano. Questionada à época, a instituição disse apenas que instituição deixou de executar 7,2% de seu orçamento para 2015.

Hoje, a assessoria de imprensa do Centro Paula Souza emitiu uma nota contestando os dados e afirmando que o governo paulista investiu 65,4% do previsto para a construção de novas Etec e na compra de equipamentos em 2015. Para as Fatecs, o percentual investido foi de 51,2% do previsto.

Segundo o texto, as Etecs deixaram de receber 30,1% do previsto. O valor inicial que seria investido na expansão das escolas em 2015 era de R$ 59.866.452, dos quais foram contingenciados R$ 18.035.040. “Os 4,5% restantes referem-se a economia orçamentária”, diz o texto. Já para as Fatecs, o governo não utilizou 42,2% do orçamento, que inicialmente era de R$ 100.354.285, dos quais R$ 42.433.004 foram contingenciados. Restaram 6,6% de economia orçamentária.

“Uma vez que o Plano de Expansão do Governo de São Paulo implantado na última década já atendeu a maior parte dos municípios paulistas com mais de 35 mil habitantes, o Centro Paula Souza vem priorizando não mais a construção de novas unidades, mas, sim, a melhoria da estrutura das existentes”, diz a nota. “Atualmente, estão em andamento 46 obras de construção ou reforma de Etecs e Fatecs. Desde 2005, o número de Etecs cresceu 100,9%, enquanto o das Fatecs aumentou 261%. A instituição está presente hoje em 321 municípios do Estado, com 219 Etecs e 66 Fatecs.”