Você está aqui: Página Inicial / Economia / 2010 / 02 / Taxa média de juros para crédito aumentou em janeiro

Taxa média de juros para crédito aumentou em janeiro

Segundo pesquisa, expectativa com provável elevação da Selic pode ser uma das explicações
por Vitor Nuzzi, da RBA publicado 10/02/2010 12h38, última modificação 10/02/2010 12h41
Segundo pesquisa, expectativa com provável elevação da Selic pode ser uma das explicações

São Paulo - As taxas de juros das operações de crédito subiram em janeiro, após várias quedas seguidas, segundo pesquisa da Anefac (associação de executivos financeiros). A taxa média subiu para 6,87% ao mês (121,96% ao ano), ante 6,86% em dezembro (121,71% ao ano), que era a menor da série histórica. Segundo o vice-presidente da entidade e coordenador do estudo, Miguel José Ribeiro de Oliveira, as elevações - que não foram generalizadas - podem ser atribuídas a dois fatores: expectativa do mercado financeiro com uma provável elevação da Selic e a preocupação externa com a situação da economia em alguns países na zona do euro.

Das seis linhas pesquisadas, três subiram as taxas: comércio (de 5,74% para 5,79%), cheque especial (de 7,27% para 7,32%) e empreéstimo pessoal-bancos (de 4,82% para 4,88%).

As três que caíram foram cartão de crédito (de 10,68% para 10,66% ao mês), CDC-bancos-financiamento de veículos (de 2,45% para 2,43%) e empréstimo pessoal-financeiras (de 10,18% para 10,12%).

Segundo a Anefac, de dezembro de 2008 a janeiro de 2010 a taxa básica de juros foi reduzida em cinco pontos percentuais, para 8,75% ao ano. No mesmo período, a taxa média de juros para pessoa física caiu 15,95 pontos, para 121,96% ao ano.