Influências

Do samba à Tropicália: ‘Hora do Rango’ recebe ‘revelação’ Julia Mestre

Artista carioca vem à Rádio Brasil Atual mostrar sua arte por um futuro “mais feminino”

DIVULGAÇÃO
Sua obra, potente e poética, Julia Mestre fala sobre o amor para um futuro mais feminino, de liberdade e expressão

São Paulo – O programa Hora do Rango, da Rádio Brasil Atual, recebe a cantora, compositora e instrumentista Julia Mestre nesta quinta-feira (12). A artista carioca de 23 anos é considerada uma das revelações recentes da música brasileira.

Sua obra, potente e poética, fala sobre o amor para um futuro “mais feminino”, de liberdade e expressão e é marcada pela influência do melhor da MPB, dos grandes clássicos do samba à Tropicália.

Julia lançou seu primeiro EP – Desencanto, com cinco faixas autorais – em 2016. Em 2019, veio o lançamento de Geminis, disco em que enaltece a busca do amor por meio da ruptura de barreiras entre os povos e dos indivíduos em nome da harmonia.

Em entrevista à MTV, Julia contou que sempre teve o sonho de seguir carreira como cantora e compositora. “Sou um pouco fechada, tenho dificuldade de falar. Mas, nas composições, tenho facilidade de botar pra fora o que estou sentindo. Tenho uma zona de conforto maior no palco do que fora dele. Vejo tudo isso como um lugar de sucesso, por estar fazendo o que eu gosto: poder levar a música na frente.”

O programa

Hora do Rango, apresentado por Colibri Vitta e premiado pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA), recebe ao vivo, de segunda a sexta-feira, sempre ao meio-dia, sempre um convidado diferente com algo de novo, inusitado ou histórico para dizer e cantar.