Vem assistir

Programa ‘Central do Brasil’ reestreia em segunda temporada

O programa irá ao ar sempre às 19:45, com duração de 15 minutos, a partir de segunda-feira (25)

Reprodução
ela internet o programa é exibido simultaneamente ao da TV nas páginas da TVT, Brasil de Fato, Programa Central do Brasil, entre outras redes de movimentos populares e coletivos de comunicação

Brasil de Fato – Na próxima segunda-feira (25), o programa Central do Brasil estreia sua segunda temporada. A primeira temporada foi ao ar de junho a dezembro de 2020, no canal aberto da TV dos Trabalhadores (TVT), na TV Universitária, em Pernambuco, em uma rede de cerca de 60 rádios espalhadas por todo o país e em mais de uma centena de páginas na internet. Em sua nova temporada, o programa vai ao ar sempre às 19h45, com duração de 15 minutos, de segunda à sexta-feira, com a realização do Brasil de Fato e TVT, e apoio das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

Desde seu nascimento, a produção tem como objetivo ser um espaço de comunicação que fortalece as lutas e bandeiras dos movimentos populares cobrindo pautas em todo o país e de diversos temas, além de imprimir unidade política e impulsionar o diálogo com a sociedade. Cultura, Direitos Humanos, Educação, Política e, sobretudo, o impacto da pandemia do coronavírus são temas constantes no Central do Brasil.

Sobre o que os telespectadores e ouvintes podem esperar da nova temporada, Beatriz Pasqualino, jornalista que assume a direção do programa, aponta: “Retomamos o programa em 2021 com análises e informações das lutas populares e desafios para o Brasil retomar os rumos da democracia e a garantia de direitos da população. Em meio à pandemia que segue neste ano, o programa reafirma sua responsabilidade em debater os problemas do povo brasileiro, valorizando também a riqueza cultural do nosso país”.

A referência do nome da produção é uma homenagem ao filme, de mesmo nome, de Walter Salles, exibido em 1998 e indicado ao Oscar e também à icônica estação de trens localizada no centro do Rio de Janeiro.

Como sintonizar o Central do Brasil

Para assistir pela TVT, na grande São Paulo, o canal é o 44.1 (sinal digital HD aberto); na NET é 512 (NET HD-ABC); no UHF, a sintonia é 46; 13 na NET-Mogi e Canal 12 na Vivo São Caetano do Sul. No Grande Recife, na TV aberta o canal da Universitária é o 11.

Pela internet o programa é exibido simultaneamente ao da TV nas páginas da TVT, Brasil de Fato, Programa Central do Brasil, entre outras de movimentos populares e coletivos de comunicação. Além de rádios localizadas em vários estados da federação consolidando uma rede de comunicação dos movimentos populares.

Leia também:

Fórum Social Mundial começa hoje, com Lula e lideranças mundiais. Acompanhe

Fura-filas da vacina: elites seguem tradição histórica ‘de levar vantagem em tudo’


Leia também


Últimas notícias