Home Cidadania ‘Seu Jornal’, da TVT, destaca pedido de afastamento de Moro e Dallagnol
promiscuidade

‘Seu Jornal’, da TVT, destaca pedido de afastamento de Moro e Dallagnol

Conselho Federal da OAB e mundo jurídico mostram preocupação com escândalo envolvendo ministro da Justiça e procurador
Publicado por Gabriel Valery, da RBA
10:26
Compartilhar:   
reprodução

Diálogos indicam uma conspiração para prender o ex-presidente Lula

São Paulo – O Seu Jornal, da TVT, vai ao ar hoje (10) em edição com destaques especiais sobre o escândalo da Justiça em Curitiba, entre eles, o pedido da OAB para afastar envolvidos. Conversas entre o ministro da Justiça (na época juiz federal), Sergio Moro, e o procurador Deltan Dallagnol, da Lava Jato, reveladas pelo The Intercept Brasil, colocam em xeque a imparcialidade da operação. Diálogos indicam uma conspiração para prender o ex-presidente Lula e para impedir a eleição dele ou de Fernando Haddad (PT) a presidente.

O Conselho Nacional do Ministério Público pediu investigação sobre os vazamentos. Mais de 320 advogados e juristas solicitram o afastamento em um manifesto. Já o Conselho Federal Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em conjunto com o Colégio de Presidentes de Seccionais, deliberaram, de forma unânime, o pedido para afastar de Moro e Dallagnol.

“Não se pode desconsiderar a gravidade dos fatos, o que demanda investigação plena, imparcial e isenta, na medida em que estes envolvem membros do Ministério Público Federal, ex-membro do Poder Judiciário e a possível relação de promiscuidade na condução de ações penais no âmbito da operação lava-jato. Este quadro recomenda que os envolvidos peçam afastamento dos cargos públicos que ocupam”, afirmou em nota a OAB.

Ainda nesta edição:

Trabalhadores do setor de transportes se reuniram hoje para discutir a greve geral de sexta-feira (14). Metroviários, transportadores de carga, ferroviários, motoristas e cobradores paralisam suas atividades nesse dia de luta contra a reforma da previdência proposta pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL);

O Ministro do Desenvolvimento, Gustavo Canuto, confirmou a intenção do governo de utilizar empresas privadas no programa Minha Casa Minha Vida. Para  movimentos sociais ligados à moradia, a medida não resolve o problema habitacional do país;

Ocupação ao lado de bairro nobre de São Paulo tem as casas demolidas sem qualquer explicação da prefeitura. O espaço conta com sete famílias e 15 crianças. A repórter Marta Raquel esteve no local

Assista ao Seu Jornal 

Acompanhe como foi o Papo com Zé Trajano